Siga o Jornal de Brasília

Celebridades

Sexo é vida. ruim é o preconceito

Avatar

Publicado

em

O que você deseja para 2017? Se esquentar a relação está entre os itens da sua lista, Laura Muller pode dar um empurrãozinho. No clima do fim de ano, a sexóloga no Altas Horas conta que ouve muito esse pedido no seu consultório e aproveita para dar três conselhos que prometem apimentar o sexo nesta nova etapa.

A primeira dica é apostar em coisas novas. “Que tal incluir na vida sexual aquela prática, aquela posição, aquilo ali que você sempre desejou, aquela fantasia, que tal experimentar?”, sugere. E completa: “Se vocês gostarem, continuem fazendo. Se não gostarem, só jogar fora, descartar e partir pra outra”.

Outro ponto de atenção é abrir um espaço na agenda para se dedicar ao sexo. “Quando a gente corre demais, essa lista enorme de compromissos não contribui muito para um sexo de qualidade. Quando a gente consegue abrir um espaço pra se dedicar ao prazer, pra pensar mais em sexualidade e viver o sexo, isso faz superbem para a vida”, aconselha.

Por fim, mas não menos importante, a dica é deixar a cobrança de lado. “Isso eu gosto de falar sempre porque para viver a sexualidade de uma forma mais saudável, responsável e prazerosa é importante a gente se cobrar menos, então uma das metas pro novo ano é, tanto homens quanto mulheres, não se cobrarem na cama nem a si mesmos nem a quem está com vocês”, indica. Anotado?

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *