Metade dos 22 foragidos mais procurados do país receberam auxílio emergencial

Entre os integrantes da lista, está Leomar de Oliveira Barbosa, o Léo Playboy, condenado a 36 anos de prisão

Dados mostram que, dos 22 foragidos mais procurados do país, 11 estão recebendo o auxílio emergencial de R$ 600. O programa foi criado pelo governo federal para amenizar os impactos econômicos do novo coronavírus sobre os trabalhadores autônomos e desempregados.

Uma reportagem do programa Fantástico, da Rede Globo de Televisão, divulgou as informações que foram apuradas por meio de uma lista dos principais foragidos do país, de acordo com o Ministério da Justiça. Entre os integrantes da lista, está Leomar de Oliveira Barbosa, o Léo Playboy, condenado a 36 anos de prisão. Ele era o braço direito do traficante Fernandinho Beira-Mar.

Segundo um levantamento da Controladoria-Geral da União (CGU) que foi obtido pela reportagem, 27 mil foragidos teriam recebido o benefício emergencial. Esse grupo, que deveria estar preso, custou R$ 16 milhões ao programa, levando em conta apenas a primeira parcela do benefício.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

13 − 12 =

Send this to a friend