CNC e BRB firmam acordo que vai facilitar crédito do Centro-Oeste

Acordo de cooperação permite preferência ao Banco de Brasília no atendimento de produtos de seguros e na movimentação de aplicações financeiras

O BRB firmou acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e vai oferecer acesso ao crédito a todas as entidades sindicais ligadas à CNC no Centro-Oeste, área de atuação do banco, incluindo empresas e pessoas ligadas ao Serviço Social do Comércio (Sesc) e ao Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial). A oferta de produtos e serviços, em condições diferenciadas, vai contribuir para o desenvolvimento econômico de toda a região.

 

O acordo de cooperação firmado hoje (10), na sede da CNC, no Rio, prevê, por parte de todas as empresas vinculadas aos sindicatos e federações, acesso às linhas de crédito destinadas a investimento e produtos e serviços do BRB voltados às micro, pequenas e médias empresas. Permite, ainda, preferência ao BRB no atendimento de produtos de seguros e na movimentação de aplicações financeiras.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Entre os benefícios previstos no acordo com a CNC, taxas de financiamento a partir de 0,92% a.m., prazo de até 120 meses e carência de até um ano para o pagamento da primeira parcela; capital de giro a 0,92% a.m. e prazo de 60 meses; 100% de desconto na primeira anuidade do cartão empresarial e conta garantida com taxas de 1,02% a.m.

Outras facilidades também serão oferecidas para as empresas que optarem por trazer a folha de pagamento para o BRB. Um cartão Co-Brand faz ainda parte do pacote. As condições especiais também estarão disponíveis para os trabalhadores filiados aos sindicatos da CNC, que vão ter à disposição 10 dias sem juros no cheque especial; financiamento imobiliário com taxas a partir de 7,50% a.a.; seguro residencial a partir de R$ 19,90; 10% de desconto (sobre a melhor proposta de mercado) para seguro auto.

“A parceria entre o BRB e a CNC marca um novo posicionamento do BRB, mais próximo ao setor produtivo. O acordo vai permitir a oferta de um portfólio completo como forma de auxiliar o desenvolvimento econômico de todo o Centro-Oeste”, afirmou o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

O governador do DF, Ibaneis Rocha, e o secretário de Economia, André Clemente, acompanharam a cerimônia de assinatura. Aos presidentes de federações de comércio de diferentes estados, Ibaneis Rocha destacou a importância de Brasília nos esforços para desonerar tributos, ajustar as contas públicas e reativar o setor produtivo.

“Estamos trabalhando para colocar a cidade no eixo do desenvolvimento. Brasília tem um potencial grande, facilidade logística, um dos melhores aeroportos do país e possibilidade de investimento muito grande”, disse. O governador também ressaltou os investimentos que estão sendo feitos no BRB, em especial na área de tecnologia, “com o objetivo de alavancar o desenvolvimento de toda a região”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

Para o presidente da CNC, José Roberto Tadros, o acordo com BRB fortalece o Sistema S e no Centro-Oeste e vai render bons negócios. “Vislumbro um belo futuro. Abrimos um importante canal de negociação”, afirmou.

Com informações da Agência Brasília.

Tags

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

três + 11 =

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Send this to a friend