Metrô-DF: Ibram concede licença ambiental para a expansão de Samambaia

Mesmo com toda burocracia, não deixa de ser uma boa notícia, o trâmite para expansão do Metrô-DF é demorado porém o documento é essencial para a construção de mais 3,6 km de via e duas estações da Linha 1. Edital de licitação será relançado no mês que vem

O Instituto Brasília Ambiental (Ibram) concedeu licença ambiental para a expansão da Linha 1 do Metrô-DF em Samambaia. Com o documento, a Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF) poderá construir mais 3,6 km de via e duas estações na cidade, beneficiando aproximadamente 8 mil novos usuários por dia e elevando a arrecadação da empresa.

A licença é um procedimento administrativo obrigatório pelo qual o órgão ambiental permite a localização, instalação, ampliação e a operação de empreendimentos, entre outros. Segundo o presidente do Metrô-DF, Handerson Cabral, o documento atende exigências do Tribunal de Contas do DF (TCDF) para liberar o edital de licitação, que estava suspenso desde novembro passado.

“O ganho é para a população e para o meio ambiente, uma vez que haverá garantias de que a obra será feita de acordo com as exigências da legislação”, disse Cabral.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Já o presidente do Ibram, Edson Duarte, afirmou que a licença apresenta orientações de como se fazer um empreendimento como este, impactando o meio ambiente da menor forma possível.

“Cumprimos o nosso objetivo de liberar o licenciamento ambiental para um transporte público essencial para a mobilidade pública do DF. O metrô é o modal que menos impacta o meio ambiente”, destacou Duarte.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

3 × 4 =

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Send this to a friend