Siga o Jornal de Brasília

Sobre Rodas

Nova BMW G 310 GS chega à Rede BMW Motorrad do Brasil

Brasília de Fato

Publicado

em

Nova BMW G 310 GS chega à Rede BMW Motorrad do Brasil

A nova BMW G 310 GS estreia no mercado brasileiro com preço inicial sugerido de R$ 24.900

Destaque da BMW Motorrad no Salão Duas Rodas 2017, o modelo é fabricado na fábrica própria de motocicletas do BMW Group em Manaus (AM) e marca a entrada da empresa no segmento trail abaixo de 500 cc.

Compacto e confortável, o modelo é ágil no trânsito urbano e robusto em trilhas leves, demonstrando a versatilidade da linha GS, da qual herda a qualidade, confiabilidade, robustez e inovação que fazem da família GS uma referência mundial entre as motocicletas. “Estamos muito orgulhosos com a chegada ao mercado brasileiro da nova BMW G 310 GS, uma motocicleta que traz o melhor da linha GS e promete elevar o patamar de qualidade do segmento de baixa cilindrada”, comenta Federico Alvares, diretor da BMW Motorrad Brasil. “As primeiras unidades começam a ser faturadas para a rede e, até o começo de março, ela estará em todos os 49 concessionários BMW Motorrad do Brasil”, reforça o executivo.

Visualmente, a nova BMW G 310 GS pode ser identificada como uma autêntica GS, com seu para-choque dianteiro alto e curto e sua linha de cintura alta. As proporções compactas, com distância curta entre eixos e curso de mola prolongado, permitem ao piloto manter a postura ereta e proporcionam maior agilidade nas respostas da direção.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O modelo vem equipado com um propulsor monocilíndrico de refrigeração líquida, com 313 cc, quatro válvulas e dois eixos de comando, juntamente com a injeção eletrônica de combustível. A capacidade de 313 cc é resultado do diâmetro de 80 milímetros e um curso de 62,1 milímetros.

Uma característica marcante do motor monocilíndrico na G 310 GS é o fato de que o cilindro é inclinado para trás e de que o cabeçote gira 180 graus: entrada na parte frontal, saída na parte traseira. Esta configuração provê abastecimento direto e potencializa a mistura ar-combustível, trazendo resultados positivos em termos de concepção da moto.

Com uma potência 34 cv a 9.500 rpm e um torque máximo de 28 Nm a 7.500 rpm, o propulsor da nova G 310 GS é o parceiro ideal para uma prazerosa condução dinâmica, junto com o baixo peso de 169,5 quilogramas (sem carga), em conformidade com o DIN (Instituto Alemão de Padronização).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em relação à ergonomia, a posição de guiar elevada da nova G 310 GS se traduz em uma condução prazerosa e confortável tanto na cidade quanto na rodovia ou trilhas leves de terra ou cascalho. Como é característica da BMW Motorrad, todos os botões e controles são fáceis e seguros de manusear. A operação é simples e intuitiva, levando em conta as diversas anatomias do condutor para garantir uma experiência cômoda e agradável.

Em termos de suspensão, a nova G 310 GS traz uma estrutura tubular de aço com seção traseira de parafuso, que combina rigidez de torção com robustez. Devido ao excelente equilíbrio, a moto proporciona um passeio estável e respostas de pilotagem precisas. A suspensão da roda dianteira é amparada por um garfo invertido, enquanto na parte traseira há um braço oscilante de alumínio em conjunto com um suporte de mola, montado diretamente sobre ele.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Como todas as motocicletas BMW, a nova G 310 GS vem com sistema ABS de fábrica. Ele combina um sistema de freio de alto desempenho com ABS de dois canais para uma desaceleração eficiente e curtas distâncias de frenagem. Para uso em terrenos leves, o ABS da nova G 310 GS pode ser convenientemente desativado pressionando um botão, se necessário. O painel de instrumentos da G 310 GS possui uma grande tela de cristal líquido que oferece excelente clareza e uma ampla gama de informações.

A BMW G 310 GS foi exposta em 2016 o EICMA (Salão de Motocicletas de Milão) e foi uma das estrelas do estande da BMW Motorrad no Salão Duas Rodas 2017. Com sua produção em Manaus (AM), a fábrica passa a produzir 11 modelos distintos que atendem aproximadamente 98% da demanda da BMW Motorrad no país. Inaugurada em outubro do ano passado, a unidade fabril do BMW Group em Manaus recebeu cerca de 14,5 milhões de euros em investimentos e tem capacidade de produção para 10 mil motocicletas por ano, empregando atualmente mais de 170 colaboradores. Dos 45 fornecedores que atendem a fábrica manauara, 15 são dedicados à linha G 310.

Erguida em uma área de cerca de 10 mil metros quadrados, a unidade fabril levou aproximadamente nove meses para ser concluída e conta com equipamentos de última geração, além de uma equipe de colaboradores altamente capacitada para garantir os elevados níveis de qualidade encontrados nas demais unidades produtivas do BMW Group espalhadas globalmente. E assim como as outras plantas da companhia, a fábrica de Manaus adota modernos processos de economia de energia e reuso de água em sua linha de montagem, reforçando seu compromisso com a sustentabilidade.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Opções de cores
Veja detalhes da nova BMW G 310 GS

Sobre Rodas

Depois de 23 anos, Fiat terá que indenizar donos de Tipo que pegaram fogo

Brasília de Fato

Publicado

em

Problema teve início nos anos 1990, com unidades que incendiavam espontaneamente. Fabricante italiana não poderá mais recorrer em ação movida em 1996

Depois de 23 anos, proprietários de Fiat Tipo que pegaram fogo finalmente poderão receber a indenização da fabricante italiana.

Isso porque a Fiat não poderá mais recorrer em uma ação civil pública movida ainda em 1996 pela Associação de Consumidores de Automóveis e Vítimas de incêndio do Tipo, a Avitipo.

A ação foi iniciada pouco tempo depois de várias unidades do modelo pegarem fogo de forma espontânea nos anos 1990. Na época, o hatch médio era um dos modelos mais vendidos do país.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em abril de 1996, a Fiat finalmente chamou um recall de 155 mil unidades do Tipo por risco de incêndio. A causa era a proximidade da mangueira de fluido da direção com partes quentes do motor. Conforme a mangueira derretia, o líquido entrava em contato com estas peças, iniciando o fogo.

Fiat Tipo

Dificuldades

Clientes que tiveram o carro incendiado na época poderão entrar com o pedido de indenização, além de eventuais danos morais. Quem explica é o advogado David Nigri, que representa a Avitipo.

“Como é uma ação civil pública, todos têm direito de se habilitar e pedir a indenização”, diz. Na época, o processo da Avitipo reuniu cerca de 70 proprietários.

Um agravante é que o processo teve início há 23 anos. De lá pra cá, parte dos proprietários mudaram de endereço e telefone, dificultando sua localização e a comunicação da execução da ação.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Alguns donos mudaram de telefone e endereço. Outros morreram. Por isso, não podem ser localizados”, afirma o advogado.

Outra questão é que os donos de carros incendiados devem ter provas do ocorrido para pedir a indenização. “Vale apresentar boletim de ocorrência, matéria de jornal da época, documento do carro, comprovante do Renavam”, completa Nigri.

O advogado ainda ressalta que a fabricante poderá contestar as informações, o que deve prolongar ainda mais o recebimento da indenização.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Procurada pela reportagem, a Fiat afirmou que irá cumprir a decisão judicial. A marca ainda diz que registrou dois pedidos de habilitação, que estão em trâmite judicial.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Sobre Rodas

Tesla apresenta SUV elétrico a partir de US$ 39 mil

Avatar

Publicado

em

O Model Y é aproximadamente 10% mais espaçoso que o Model 3, com sete assentos, teto de vidro panorâmico e 1,8 mil litros de espaço no porta-malas. Versões estarão disponíveis em 2020

A Tesla apresentou o SUV elétrico Model Y, na noite desta quinta-feira (14), na cidade de Hawthorne, na Califórnia. A versão básica do lançamento deve chegar às lojas em 2021, com valor estimado de US$ 39 mil (R$ 150 mil). Antes, já próximo ano, estarão disponíveis três versões de luxo, de US$ 47 mil (R$ 180 mil), US$ 51 mil (R$ 195 mil) e US$ 60 mil (R$ 229 mil).

O SUV é aproximadamente 10% mais espaçoso que o Model 3, com sete assentos, teto de vidro panorâmico e 1,8 mil litros de espaço no porta-malas. Segundo o CEO e fundador da companhia, Elon Musk, o Model Y venderá mais que os últimos modelos lançados pela Tesla somados.

A versão básica terá capacidade de 370 quilômetros e potência de 190 km/h. Os modelos de luxo terão alcance de até 480 quilômetros e velocidade máxima de 240 km/h, divulgou a empresa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo Musk, o Model Y compartilhará cerca de 75% de seus componentes com os Model 3, permitindo que a Tesla comece a fabricar o novo SUV por muito menos dinheiro gasto para começar a produzir o modelo sedã.

Apesar da euforia do lançamento, algumas perguntas ficaram sem respostas, como onde o novo modelo será montado. Segundo especulações, a Tesla usará uma fábrica em Nevada para instalar a linha de produção. Também não foi divulgada a estimativa de tempo para a produção das encomendas. Nos últimos anos, a companhia foi constantemente criticada por não entregar os carros no prazo prometido.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Sobre Rodas

Bugatti apresenta La Voiture Noire: o carro mais caro da história

Avatar

Publicado

em

Marca francesa, fundada por um italiano, numa cidade que à época pertencia à Alemanha. A história da Bugatti, que completa 110 anos em 2019, não é para poucos

Para festejar, a empresa aproveitou o Genebra Motor Show, salão internacional do automóvel, e apresentou seus dois mais recentes e exclusivíssimos modelos.

O Chiron Sport ‘110 Ans Bugatti’, com apenas 20 unidades produzidas, que custa 3 milhões de euros, e o La Voiture Noire (O Carro Negro). Apenas uma unidade fabricada. E já vendida. Por 11 milhões de euros. O carro mais caro da história.

No Motor Show, de acordo com a Bloomberg, se especulava que o comprador seria Ferdinand Piech, neto de Ferdinand Porsche e ex-diretor executivo da Volkswagen. A Bugatti pertence desde 1998 ao grupo alemão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mistério

No mundo do automóvel, o modelo é emblemático. Nos anos 30, houve uma série incrivelmente limitada de quatro veículos coupés Tipo 57 SC Atlantic, projetados por Jean Bugatti, filho mais velho do criador da marca, o italiano Ettore Bugatti. Jean dirigiu um deles. O preto. E o chamou de “La Voiture Noire”. O veículo desapareceu sem deixar vestígios antes da Segunda Guerra Mundial e hoje é considerado um dos grandes mistérios da história do mundo do automóvel.

“La Voiture Noire é mais do que apenas uma reminiscência do Atlantic. Estamos prestando homenagem a uma longa tradição e ao trabalho criativo de Jean Bugatti”, diz o CEO da Bugatti, Stephan Winkelmann.

“Ao mesmo tempo, estamos transferindo tecnologia extraordinária, estética e luxo extremo para uma nova era. Trata-se de uma coleção de superlativos.”

Com La Voiture Noire, a marca se superou. E pretende superar todos os demais concorrentes do mercado de veículos superpremium. O carro de duas portas tem carroçaria esculpida com fibra de carbono. Feito a mão, é equipado com motor de 8 litros e 16 cilindros. Criado de acordo com a máxima “elegância através do minimalismo e refinamento através da intensificação”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Incomparável

Para o diretor de design da empresa, Achim Anscheidt, “os clientes da Bugatti apreciam a especialização da marca em produzir carros com as especificações exatas”. O La Voiture Noire tem seis saídas de escape – nada muito sutis. Elas são tanto uma referência aos cinco escapamentos do modelo Atlantic que o inspirou, quanto “para mostrar claramente que este não é um carro elétrico”, diz Anscheidt. Um modelo pensado para ser único. Concebido totalmente sob o lema do fundador, Ettore Bugatti: “Se for comparável, não será mais Bugatti”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Sobre Rodas

Salão do Automóvel de Genebra enfrenta ventos cruzados

Avatar

Publicado

em

O Salão do Automóvel de Genebra abre suas portas nesta terça-feira com uma grande quantidade de modelos elétricos, mas os fabricantes não escondem sua preocupação, ameaçados por limitações ecológicas na Europa e guerras comerciais em escala global

Forçado a reduzir as emissões de CO2 para atingir os limites impostos pela União Europeia em 2020, medidas que se tornarão ainda mais rígidas em 2030, o setor está empenhado em uma corrida em direção à eletrificação.

Os carros elétricos são “uma boa solução”, disse o diretor da francesa Peugeot Citroen (PSA), Carlos Tavares, a jornalistas. “É necessário que aceleremos, mas como em toda aceleração, há um limite, e acredito que o atravessamos”, comentou.

Em 2020, “a exclusão do mercado de automóveis menos eficientes em termos de CO2 vai se traduzir em fechamento de fábricas, como indicam os fabricantes europeus”, alertou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Harald Kruger, diretor da BMW, apontou que os objetivos fixados em dezembro pela União Europeia para 2030 são “um desafio dramático” para a indústria automotiva.

“Hoje ninguém tem a solução” para atingir esses objetivos e ao mesmo tempo manter preços aceitáveis para os clientes, disse na noite de segunda-feira Didier Leroy, o número 2 da Toyota.

Os automóveis elétricos são por enquanto consideravelmente mais caros que os equivalentes com motor de combustão, essencialmente pelo custo elevado das baterias.

O modelo Jaguar I-Pace, um SUV que na segunda-feira recebeu o prêmio de Automóvel Europeu do Ano, tem um preço de mais de 80.000 euros, de forma que dificilmente encarnará a ideia de mobilidade para todos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por isso, Tavares disse ao jornal Le Figaro que “se os fabricantes não venderem mais veículos elétricos, serão arruinados pelas multas”.

Depois de anos de crescimento e de lucros recorde, a conjuntura se transformou desde 2018 em consequência de uma baixa do mercado chinês, o principal mercado mundial. A possibilidade de um Brexit sem acordo e o conflito comercial entre Estados Unidos e China também foram apontados como prejudiciais ao setor.

– Modelos de luxo –

“Os lucros de fabricantes e fornecedores serão muito baixos em 2019. Já podemos esperar alertas em resultados, redução da produção e corte de pessoal”, apontou Ferdinand Dudenhöffer, diretor do Centro de Pesquisa sobre Automóveis (CAR), baseado na Alemanha.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Depois de uma queda de 1% no ano passado, espera-se um retrocesso de 2% no mercado automotivo global este ano, para 81,9 milhões de unidades.

Os modelos expostos em Genebra refletem uma preocupação com o combate ao aquecimento global. Citroën e Honda também exibiram sua visão de futuros modelos urbanos movidos a bateria.

Entre as marcas de prestígio, Aston Marin, Audi e Mercedes mostraram ideias de SUV elétricos, com os quais esperam poder competir com o californiano Tesla, cujo Model 3 acaba de desembarcar na Europa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As últimas gerações dos modelos compactos urbanos de Renault Clio, o segundo em nível de vendas na Europa, e Peugeot 208, também fizeram sua primeira aparição.

Mas Genebra também é, nesta semana, o palco de exibição dos modelos de luxo.

A Bentley mostrará seu Bentayga Speed, que reivindica o título de SUV de série mais rápido do mundo (306 km/h).

Os conversíveis Huracan Evo Spyder, da Lamborghini, e Porsche 911 deverão atrair os olhares, assim como a Ferrari F8 Tributo, com seu motor de 720 cavalos de potência.

Após dias reservados à imprensa, o salão abrirá na quinta-feira as portas ao público. Esperam-se mais de 660.000 visitantes para contemplar os 900 automóveis expostos de 7 a 17 de março.

Continue lendo

Sobre Rodas

BMW e Daimler anunciam aliança para desenvolver carro autônomo

Avatar

Publicado

em

Ambas as empresas também acrescentam que querem discutir uma cooperação ainda mais ampla

As montadoras alemãs BWM e Daimler, controladoras da Mercedes-Benz, anunciaram nesta quinta-feira a assinatura de um acordo de cooperação “estratégico e de longo prazo” para desenvolver um veículo autônomo.

“No início, este acordo permitirá o desenvolvimento de sistemas para ajudar motoristas e dirigir autonomamente na estrada”, os dois grupos indicam em um comunicado conjunto.

Carros autônomo

Um veículo autônomo, também conhecido como veículo robótico ou veículo sem motorista, designa qualquer veículo terrestre com capacidade de transporte de pessoas ou bens sem a utilização de um condutor humano.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O seu principal objetivo é integrar um conjunto de tecnologias de sensores, de sistemas de controle e atuadores para sensorear o ambiente, determinar as melhores opções de ação e executar estas ações de forma mais segura e confiável do que poderia ser obtida por um condutor humano comum. 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Sobre Rodas

Volkswagen Novo Jetta ganha versão inédita 250 TSI por R$ 99.990

Brasília de Fato

Publicado

em

Volkswagen Novo Jetta ganha versão inédita 250 TSI por R$ 99.990

Seis airbags, controle eletrônico de estabilidade, bloqueio eletrônico do diferencial, sistema Start/Stop, faróis e lanternas de LED e ar-condicionado digital Climatronic estão entre os itens de série

A Volkswagen amplia a gama de seu sedã médio no mercado nacional e apresenta o Novo Jetta 250 TSI. Com o mesmo conjunto mecânico e todos os benefícios da Estratégia Modular MQB, a novidade já está chegando às mais de 500 concessionárias da marca com preço sugerido de R$ 99.990, trazendo mais competitividade ao modelo e oferecendo itens relevantes de conforto e conveniência para uma faixa ainda mais abrangente de mercado.

Produzido em Puebla, no México, o Novo Jetta 250 TSI complementa a oferta do modelo no Brasil, sendo posicionado abaixo das versões Comfortline 250 TSI e R-Line 250 TSI. Ele é equipado com o motor 1.4 TSI Total Flex (de até 150 cv e 250 Nm de torque) e a transmissão automática de seis marchas, mesmo conjunto mecânico das demais configurações.

A nova versão (assim como as demais) conta com três anos de garantia de fábrica, sem limite de quilometragem, e tem as três primeiras revisões gratuitas. O Novo Jetta é oferecido em cinco opções de cor: três sólidas (Branco Puro, Preto Ninja e Vermelho Tornado) e duas metálicas (Prata Snow e Cinza Platinum).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Novo Jetta ganha versão inédita 250 TSI

Novo Jetta ganha versão inédita 250 TSI

Relação custo-benefício

O Novo Jetta 250 TSI chega com uma equação muito equilibrada entre nível de equipamentos e posicionamento de mercado. Com itens de série valorizados pelos consumidores do segmento de sedãs médios, o modelo chega para ser referência em relação custo-benefício.

A novidade sai de fábrica com faróis e lanternas de LED, ar-condicionado Climatronic com regulagem digital de temperatura para motorista e passageiro (duas zonas), sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, sensor de chuva, seis airbags (dois frontais, dois laterais e dois do tipo cortina), Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), Bloqueio Eletrônico do Diferencial, sistema Start/Stop e Função de Frenagem de Manobra (RBF).

Complementam o conjunto freio de estacionamento eletromecânico (com acionamento por botão), assistente de partida em subidas, vidros, travas e retrovisores externos com acionamento elétrico, volante multifuncional e novas rodas de liga leve 16” com design “Sakado” e pneus 205/60 R16.

O sistema de infotainment “Composition Media” também é item de série. Com tela de 8 polegadas sensível ao toque (touchscreen) com resolução de 800 x 400 ppi, oferece comando de voz, Bluetooth, 2 entradas USB e tecnologia App Connect, que permite espelhamento com smartphones (Android Auto, Apple CarPlay e Mirrorlink).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Design global e funcional

O Novo Jetta é baseado na Estratégia Modular MQB, o que permitiu que os projetistas criassem um veículo totalmente diferente em comparação à geração anterior. Linhas dinâmicas e superfícies bem nítidas dão ao Novo Jetta uma aparência elegante e esportiva.

O Novo Jetta mede 4.702 milímetros (mm) de comprimento, 1.799 mm de largura (sem os espelhos retrovisores) e 1.474 mm de altura. O entre-eixos é de 2.688 mm. Traduzindo: o Novo Jetta oferece ótimo espaço interno para cinco adultos, com mais conforto para cabeças, joelhos e ombros. O porta-malas tem 510 litros de capacidade e é um dos maiores do segmento.

Dianteira – O design frontal traz traços nítidos, combinados com uma ampla grade frontal e o conjunto ótico de LED, proporcionam uma vista robusta e inovadora.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Lateral – A silhueta lateral é marcada por superfícies bem definidas e amplas janelas. Sob a linha de ombro, no nível das maçanetas, há um vinco marcante que se afunila na parte traseira, ligeiramente em forma de flecha. As caixas de roda também formam uma unidade bem imponente.

Traseira – O design traseiro é elegante e harmonioso, com lanternas de corpo-duplo de LED que conferem elegância ao Novo Jetta.

Interior – No Novo Jetta os instrumentos e o sistema de infotainment são orientados de forma horizontal e proporcionam fácil leitura. O acabamento do painel soft touch traz materiais de alta qualidade. Há esmero em cada detalhe. Na parte de trás, o capricho no acabamento segue o padrão dos modelos importados da marca, com destaque para a altura mais elevada das janelas, o que privilegia a privacidade no interior e, ao mesmo tempo, dá maior sensação de conforto aos ocupantes do veículo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Tecnologia nacional e eficiente

O motor 1.4 TSI é produzido pela Volkswagen na Fábrica de São Carlos (SP) e desenvolve potência máxima de 150 cv (etanol ou gasolina) a 5.000 rpm. Seu torque máximo, de 250 Nm (25,5 kgfm), surge a apenas 1.400 rpm e se mantém plano até 3.500 rpm, com gasolina ou etanol. Com esse conjunto mecânico, o Novo Jetta 250 TSI acelera de 0 a 100 km/h em 8,9 segundos e tem velocidade máxima de 210 km/h, independentemente do combustível.

Vale ressaltar o sistema Start/Stop de série em todas as versões do modelo. Essa tecnologia desliga o motor durante a marcha lenta quando o pedal do freio é pressionado (por exemplo, quando se espera no sinal vermelho). Quando o pedal do freio é liberado, o motor reinicia sem problemas. Isso se traduz em maior economia de combustível, especialmente no trânsito urbano.

Novo Jetta ganha versão inédita 250 TSI

Manual Cognitivo – inteligência artificial para tirar dúvidas

Assim como o Virtus e o Tiguan Allspace, o Volkswagen Novo Jetta também é o primeiro modelo em seu segmento no Brasil a oferecer o “Manual Cognitivo” – que usa IBM Watson para responder aos motoristas questões sobre o veículo, incluindo informações contidas no manual do carro. Essa solução permite uma nova forma de interagir com o veículo e oferece uma nova experiência tecnológica.

Eventuais questões sobre o carro poderão ser respondidas por esse assistente inteligente, de forma simples e rápida. O aplicativo “Meu Volkswagen” conta com tecnologia do Watson para responder as questões em português e espanhol.

Novo Jetta ganha versão inédita 250 TSI

A exemplo dos sites de pesquisas na internet, o app Volkswagen tem campos para digitação e o microfone para que o usuário faça sua pergunta oralmente – a linguagem pode ser natural, como em uma conversa informal. O sistema reconhece sotaques e é capaz de aprender quanto mais se interage com ele.

Continue lendo

Sobre Rodas

Toyota inicia vendas do Yaris X-Way no mercado nacional

Brasília de Fato

Publicado

em

Toyota inicia vendas do Yaris X-Way no mercado nacional

Primeiras unidades chegarão às concessionárias em fevereiro, ao preço de R$ 78.990,00

A Toyota do Brasil inicia, a partir de hoje, 30 de janeiro, vendas da versão X-Way, novidade para a linha Yaris 2019, em toda rede autorizada da marca no País. O modelo foi uma das novidades apresentadas pela fabricante ao público na última edição do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, em novembro do ano passado. A nova versão do compacto premium da Toyota chega com a missão de atrair consumidores que privilegiam design descolado e moderno.

Com a adição do X-Way, o Yaris passa a oferecer uma das gamas mais completas em sua categoria, com 11 versões. O X-Way chegará às concessionárias a partir de 1º de fevereiro, com preço de R$ 78.990,00.

O modelo traz roda de liga leve com acabamento na cor preta, rack no teto, apliques de para-choque e para-lama, frisos nas laterais e logotipo X-Way na parte traseira. O nome da versão, de grafia personalizada, também aparece estampado nos tapetes do motorista e passageiro dianteiro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Toyota inicia vendas do Yaris X-Way no mercado nacional

Toyota inicia vendas do Yaris X-Way no mercado nacional

Lançado em junho de 2018, o Yaris chegou com a proposta de representar um novo momento na vida dos brasileiros, da indústria, do mercado automobilístico e da Toyota. O X-Way é a extensão desta experiência diferenciada da família Yaris. Nesses primeiros sete meses, já foram comercializadas 32.233 unidades do Yaris em suas versões hatch e sedã.

Toyota inicia vendas do Yaris X-Way no mercado nacional

Toyota inicia vendas do Yaris X-Way no mercado nacional

Qualidade da família Yaris

A linha Yaris vem ganhando destaque no mercado pelo nível de equipamentos de série em relação ao seu segmento. A versão X-Way herdou os itens de conveniência, tecnologia e segurança, traço da alta qualidade do modelo. Entre eles estão vidros e travas elétricas com função Auto/Up-Down e antiesmagamento para todas as janelas, controle de estabilidade, tração e assistente de subida, faróis de neblina dianteiros e traseiros, faróis com regulagem elétrica de altura, acendimento automático e função ‘Follow Me Home’.

O interior do modelo X-Way reúne sofisticação. Os bancos, em padrão couro, entregam ambiente luxuoso de conforto. Para elevar a experiência dos motoristas a uma direção mais funcional, o painel traz computador de bordo com tela de 4.2’’, dotado da tecnologia TFT em tela colorida de alta resolução, além de sistema multimídia Toyota Play+ Harman e câmera de ré integrada.

O Yaris X-Way tem ainda ar condicionado digital, retrovisores externos com rebatimento elétrico e ajuste em botão fixado no descansa-braços, Smart Entry e sistema de partida sem chave tipo Start Button.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No quesito segurança, a versão mantém o alto padrão com freios ABS, sistema de assistência à frenagem (BAS) e distribuição eletrônica da força de frenagem (EBD). A direção é eletroassistida progressiva (EPS).

Desempenho

O motor 1.5L 16V flex do Yaris X-Way dispõe da tecnologia de duplo comando de válvulas variável Dual VVT-i, sistema mundialmente consagrado pela marca, pois garante excelente desempenho, conforto e uma experiência única ao dirigir. O câmbio, do tipo CVT, simula sete velocidades e beneficia, da mesma forma, desempenho com baixo consumo, atrelados a uma direção confortável. Trocas sequenciais também podem ser praticadas por meio das borboletas localizadas atrás do volante.

Com esta motorização, o Yaris X-Way atinge 110 cv de potência a 5.600 rpm com etanol e 105 cv a 5.600 giros trabalhando com gasolina. Seu torque máximo nesta configuração, a 4.000 giros, é de 14,9 kgfm (com etanol) e de 14,3 kgfm (com gasolina).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cores

O Yaris X-Way pode ser encomendado nas cores sólidas Branco Polar e Vermelho Super; nas metálicas Cinza Cosmopolita, Prata Lua Nova, Preto Infinito e Azul Titã, além da opção Branco perolizado.

Garantia de três anos para Linha de Acessórios Yaris

Apesar de todas as versões do Yaris, tanto hatchback quanto sedã, já contarem com excelente nível de equipamentos de série, a Toyota desenvolveu uma ampla linha genuína de acessórios para o modelo, composta atualmente por mais de 40 itens.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O grande diferencial, no entanto, fica por conta da garantia exclusiva de três anos para todos eles, sem limite de quilometragem, desde que tenham sido adquiridos e instalados na rede autorizada de concessionárias Toyota.

Segue abaixo a tabela de preços completa da linha Yaris 2019:

YARIS HATCHBACK

1.5L

XLS

CVT

R$ 81.990,00

X-Way

R$ 78.990,00

XS

R$ 75.890,00

1.3L

XL Plus Tech

R$ 71.790,00

XL

CVT

R$ 67.090,00

MT

R$ 61.590,00

YARIS SEDÃ

1.5L

XLS

CVT

R$ 83.590,00

XS

R$ 78.490,00

XL Plus Tech

R$ 74.990,00

XL

R$ 68.740,00

MT

R$ 65.290,00

 

Continue lendo

Sobre Rodas

Toyota convoca recall de 380 mil carros

Brasília de Fato

Publicado

em

Toyota convoca recall de 380 mil carros

Airbags defeituosos afetam unidades de Corolla, Etios, Fielder, Hilux e SW4; veja se seu carro está na lista

A Toyota iniciou nesta quinta-feira (24) um novo recall envolvendo os “airbags mortais” da Takata no Brasil. Desta vez participam do chamado 379.689 unidades dos modelos Hilux, SW4, Corolla, Fielder e Etios, com produção variando entre 2004 e 2017.

Os modelos estão equipados com os airbags defeituosos que compõem o maior recall da história. Eles podem expelir fragmentos metálicos contra os ocupantes por problemas no deflagrador, sistema responsável por inflar as bolsas.

De acordo com a marca, a exposição do veículo ao calor intenso, grandes variações de temperatura ou alta humidade do ar pode potencializar a degradação do deflagrador.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Os proprietários das unidades participantes devem entrar em contato com uma concessionária Toyota para agendarem a inspeção e o reparo dos veículos. Os atendimentos terão início na próxima segunda-feira (28).

Veja abaixo a tabela com os detalhes dos modelos envolvidos no recall:

Recall – Toyota
ModeloAirbag envolvidoData de fabricaçãoChassis
código alfanumérico
Chassis
últimos 8 dígitos
HiluxMotorista2/1/2015 a 9/10/20158AJDY22G* // 8AJEX32G* // 8AJEX39G* // 8AJFX22G* // 8AJFX29G* // 8AJFY22G* // 8AJFY29G*F7007651 à F7010233 // F4039751 à F4040512 // F3001418 à F3004319 // F6005170 à F6005183 // F6607506 à F6609485 // F8020976 à F8028378 // F8580373 à F8593513
SW4Motorista2/1/2015 a 26/9/20158AJYY59G* // 8AJZX65G*F6529299 à F6533154 // F5008357 à F5011519
CorollaMotorista e passageiroMotorista: 12/1/2015 a 24/2/2017 // Passageiro: 31/5/2002 a 12/2/2008 e 15/1/2014 a 14/2/2014Motorista: 9BRBD3HE*, 9BRBDWHE* e 9BRBLWHE* // Passageiro: 9BR53ZEC*, 9BRBD48E* e 9BRBL42E*Motorista: F0250222 à H0346194, F0250219 à H0346204 e F0022220 à H0104445 // Passageiro: 38500021 à 88714544, E2642174 à E2645306 e E4789171 à E4789171
FielderPassageiro6/4/2004 a 17/7/20089BR72ZEC*58546105 à 88716911
Etios (hatch e sedã)Motorista e PassageiroMotorista: 12/1/2015 a 22/3/2017 // Passageiro: 12/1/2015 a 31/3/2017Motorista: 9BRB29BT*, 9BRK19BT* e 9BRK29BT* // Passageiro: 9BRB29BT*, 9BRK19BT* e 9BRK29BT*Motorista: F2069073 à J2157627, F2045057 à J2091289 e F0051748 à J0120598 // Passageiro: F2069095 à J2159198, F2045057 à J2092024 e F0051790 à J0121630

Continue lendo

Sobre Rodas

Honda SH150i traz nova cor no modelo 2019

Brasília de Fato

Publicado

em

Honda SH150i. Foto: Divulgação

SH150i chega em versão 2019 com uma nova opção de cor, cinza metálico, que ressalta a elegância do modelo, reconhecido por incorporar a mais alta tecnologia de seu segmento

Reconhecida pelas formas elegantes e praticidade – elemento comum à toda linha de scooter da Honda -, a SH150i 2019 será oferecida na nova cor cinza metálico, que se junta a cor vermelha e ao preto perolizado, disponível para a versão topo, a SH150i DLX.

Fabricada em Manaus (AM) desde 2017, a SH150i representa a opção que incorpora a mais alta tecnologia disponível em seu segmento, com destaque para o motor de 149,3 cm3, monocilíndrico OHC (Over Head Camshaft), 4 tempos, com injeção eletrônica PGM-FI (Programmed Fuel Injection) a gasolina, arrefecido a líquido e com transmissão automática continuamente variável CVT (V-Matic).

O sistema eSP (Enhanced Smart Power) presente na SH150i é capaz de reduzir automaticamente a rotação do motor quando detectada aceleração constante em terreno plano, colocando a transmissão CVT em uma espécie de modo “overdrive”, o que resulta em maior conforto, economia e durabilidade mecânica.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Nova Honda SH150i. Foto: Divulgação

Nova Honda SH150i. Foto: Divulgação

A SH150i também é equipada com Idling Stop, sistema que desliga automaticamente o motor em situações de breve parada, promovendo partida instantânea assim que ocorrer o acionamento do acelerador. Com isso ganha-se em economia e respeito ao meio ambiente.

Um diferencial significativo da SH150i são as rodas de liga leve de 16 polegadas calçadas com pneus tubeless (sem câmara) de medidas 100/80 16M/C 50P (dianteiro) e 120/80R 16M/C 60P (traseiro). Esta opção confere ao modelo uma capacidade exemplar de encarar pavimentação ruim e eventuais obstáculos das vias com maior segurança e sem que a dirigibilidade seja afetada.

Nova Honda SH150i. Foto: Divulgação

Nova Honda SH150i. Foto: Divulgação

O sistema de freios que equipa a SH150i é, também, um importante diferencial em seu segmento. Equipada com o sistema de freios antitravamento ABS de dois canais que atua nos discos de ambas as rodas, permite frenagens potentes e seguras. Além do sistema de freios ABS, rodas aro 16 polegadas e pneus largos, vale destacar como item de segurança e conforto as suspensões que oferecem elevado curso – 100 mm à frente, 95 mm atrás –, e possibilidade de até cinco regulagens da carga das molas traseiras.

Quanto ao chassi, fabricado em aço, além de dar resistência a SH150i, desfruta de outras qualidades intrínsecas à clássica arquitetura underbone: o baixo centro de gravidade, que é sinônimo de maneabilidade e estabilidade superior, e o assoalho plano, valioso em termos de praticidade e conforto. Este, em parceria com a posição de pilotagem ereta, contribui para a boa ergonomia da SH150i.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A prática abertura do amplo assento se dá por tecla na lateral direita da parte posterior do escudo frontal, onde também se situa o botão que libera a trava de guidão e aciona a ignição. Sob o assento o guarda-volumes tem capacidade para um capacete integral e outros pequenos objetos, que também encontram abrigo em um compartimento frontal ao lado esquerdo do guidão, onde se situa a tomada 12V.

Nova Honda SH150i. Foto: Divulgação

Nova Honda SH150i. Foto: Divulgação

Completa a praticidade da SH150i o cavalete central e lateral, pedaleiras escamoteáveis para o garupa e o suporte do bagageiro com alças integradas, com predisposição para a aplicação de baú traseiro sem que seja necessário a montagem de estrutura suplementar.

Design marcante com personalidade

A SH150i teve seu design desenvolvido pelo Honda R&D (research and development) situado em Roma, na Itália, escolha que deixa explícita a opção por dar ao modelo formas elegantes, fluidas, condizentes com a modernidade e alta tecnologia aplicada o modelo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A “assinatura” do DRL – Daytime Running Light, ou luzes de rodagem diurna frontais, caracterizam a SH150i, que também é equipada com farol em LED. A elegante lanterna traseira e os piscas embutidos na carenagem valorizam a personalidade de uma scooter que é destaque pela indiscutível elegância de suas formas e acabamento superior. Completa a cena um eficiente painel de instrumento equipado com velocímetro central analógico, luzes-alerta de nível de combustível, temperatura da água e tela digital com relógio, hodômetro parcial e total e computador de bordo que informa consumo médio e instantâneo.

A SH150i e SH150i DLX 2019 chegarão aos 1.100 pontos de venda Honda distribuídos pelo território nacional em fevereiro de 2019. O preço público sugerido para a SH150i será de R$ 12.700,00 enquanto para a versão topo, a SH150i DLX, o preço público sugerido é de R$ 13.210,00, base Estado de São Paulo. A garantia é de três anos, sem limite de quilometragem, além de sete trocas de óleo gratuitas na rede de concessionárias Honda.

Veja mais algumas imagens da nova SH150i

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Sobre Rodas

BMW X2 ganha motores Flex para toda gama no Brasil

Brasília de Fato

Publicado

em

BMW X2. Foto: Divulgação

Propulsor de quatro cilindros e 192cv passa a funcionar com gasolina ou etanol; além da versão de entrada sDrive18i, disponível por R$ 191.950, novos modelos possuem propulsor 2.0 Active Flex

A gama 2019 do BMW X2 passa a contar com uma nova opção de motorização flexível apta a utilizar gasolina, etanol ou a mistura de ambos os combustíveis em qualquer proporção. Trata-se do novo motor de quatro cilindros, TwinPower Turbo, ActiveFlex, capaz de gerar 192 cavalos de potência e que é disponibilizado no mercado brasileiro em duas versões de acabamento: X2 sDrive20i GP, por R$ 211.950, e a top de linha X2 sDrive20i M Sport X, cujo preço sugerido parte de R$ 246.950. E assim como a opção sDrive18i GP, lançada no país em outubro último por R$ 191.950 e dotada do inédito motor de três cilindros, o desenvolvimento do novo propulsor teve a participação efetiva do time de Engenharia do BMW Group no Brasil, atuando diretamente nos testes de validação e durabilidade do sistema ActiveFlex. O BMW X2 foi lançado no Brasil em abril de 2018, ampliando sobremaneira a oferta de modelos da família BMW X localmente.

Motor versátil

Dotado de tecnologia ActiveFlex, que o capacita a utilizar gasolina, etanol ou a mistura de ambos os combustíveis em qualquer proporção; novo motor de quatro cilindros em linha e 1.998 cm³, TwinPower Turbo, é capaz de desenvolver 192 cv, disponíveis entre 5.000 e 6.000 rpm, e 280 Nm de torque, entre 1.500 e 4.600 rpm. O modelo vem com tração dianteira e transmissão automática Steptronic, com oito marchas e alavancas posicionadas atrás do volante para trocas de marchas (shift paddle). A velocidade máxima é de 225 km/h em ambas as versões, assim como a aceleração de 0 (zero) a 100 km/h, que é feita em 7,7 segundos.

BMW X2. Foto: Divulgação

BMW X2. Foto: Divulgação

Design jovial e atraente

Produzido na fábrica do BMW Group em Regensburg, na Alemanha, o BMW X2 sDrive20i exibe desenho inspirado nos cupês icônicos da marca, como os lendários 2000 CS e 3.0 CSL. E esta característica está presente no teto, que ostenta linhas alongadas; nas molduras de desenho afilado das janelas; e no emblema da BMW posicionado nas colunas C, que intensificam o perfil urbano e dinâmico do modelo. Entre os detalhes característicos do SAC destacam-se ainda a grade frontal “Kidney Grille” invertida, em formato trapezoidal, os faróis Full-LED, faróis auxiliares em LED, e as amplas entradas de ar, na parte inferior, e que acompanham o para-choque dianteiro de ponta a ponta.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na parte inferior do veículo, chamam a atenção as saias laterais em preto e os arcos das rodas de formato quadrangular, ambas, também, na cor preta. Atrás, as lanternas em LED em “L”, e o para-choque traseiro com detalhes em preto enfatizam a esportividade do modelo. As rodas de liga leve, com raios em ‘Y’, medem 18 polegadas. O coeficiente aerodinâmico (Cx) é de 0,28, um dos melhores de sua categoria.

BMW X2. Foto: Divulgação

BMW X2. Foto: Divulgação

Internamente, há uma atraente combinação de acabamentos, evidenciada pelo revestimento dos bancos em Sensatec – com opções de tonalidades em preto ou Oyster –, pelas molduras com acabamento em Oxide Silver Dark e detalhes em preto High-gloss; além do volante esportivo revestido de couro.

O BMW X2 mede 4,360 metros de comprimento, 1,824 m de largura, 1,526 m de altura, e 2,670 m de distância entre eixos. A capacidade do porta-malas é de 370 litros, podendo ser ampliada para 1.255 l, com os bancos traseiros rebatidos.

Tecnologia e conectividade

De perfil jovem, descolado e extrovertido, o BMW X2 sDrive20i GP traz como principais equipamentos, assistente de estacionamento (Parking Assistant), com câmera de ré e sensores de estacionamento dianteiro e traseiro; e o novo ConnectedDrive, que inclui Sistema de Navegação, Nova interface id6 com tela sensível ao toque, Preparação para Apple CarPlay, via conexão sem fio (Wireless) e um conjunto de funcionalidades acessível por meio de um SIM Card – o mesmo utilizado em telefones celulares – e que permite conexão à internet assim que o veículo deixa a linha de produção. Esta tecnologia oferece acesso às informações de trânsito em tempo real e notícias personalizadas; envio e recebimento de e-mails e alertas de manutenção de componentes (Teleservices). Com o concierge é possível solicitar reservas em hotéis, consultar cotações de moedas estrangeiras e recomendações sobre restaurantes; a Chamada de Emergência Inteligente auxilia os ocupantes quando mais precisam, em caso de acidente. No Brasil, os veículos comercializados pela BMW saem de fábrica com um SIM Card para conectividade do veículo com a internet.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Outra função adicional ao amplo cardápio de recursos disponíveis no SAC é a preparação para Apple Car Play. Por meio dele, o usuário pode transferir a interface de algumas funcionalidades do iPhone para o sistema de infotainment do veículo com a ajuda de conexão sem fio (wireless).

BMW X2. Foto: Divulgação

BMW X2. Foto: Divulgação

Pacote completo

A lista de equipamentos de série da versão sDrive20i GP inclui entre outros itens direção Servotronic, função Auto Start/Stop, ar-condicionado automático digital com controle de temperatura independente de duas zonas, volante multifuncional, bancos do motorista e passageiro com ajustes elétricos, apoio de braço dianteiro, pacote interno de conveniência – dupla entrada de USB no console central, redes para compartimentos atrás dos bancos dianteiros, porta copos e porta objetos centrais e tomada 12V –, pacote de luzes internas – LEDs internos iluminando todo o veículo podendo variar a intensidade da luz e escolher dentre 6 opções diferentes de cores (branco, laranja, bronze, lilás, verde e azul); além de tapete de veludo.

O BMW X2 sDrive20i GP também vem equipado com o Driving Experience Control, com função Eco-Pro, que permite a quem estiver ao volante ativar diversos ajustes. Entre eles o modo Comfort, para uma calibragem-padrão entre o motor e a transmissão; o modo Eco-Pro, para uma condução especialmente eficiente; e o modo Sport, que possibilita uma dirigibilidade mais dinâmica.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No BMW X2 sDrive20i GP, a segurança dos ocupantes é garantida pela presença de controles de estabilidade e tração, freios a disco ventilado com ABS, além de seis airbags – duplos frontais, laterais dianteiros, e tipo cortina dianteiros e traseiros –; e pneus Star Marking, com tecnologia Run-Flat. O novo SAC está disponível com 10 opções de cores externas. São elas, as sólidas Branco Alpino e Preto II, e as metálicas Prata Glacial, Branco Mineral, Preto Safira, Cinza Mineral, Azul Mediterrâneo, Galvanic Gold, Sunset Orange e Sparkling Storm.

M Sport X

Recheada de equipamentos, a versão top de linha traz a mais o pacote de equipamentos M Sport X, que agrega itens de design externo como saias e spoilers, teto solar elétrico panorâmico, spoiler traseiro M, acabamento externo BMW Individual em High-gloss Shadow Line e rodas de liga leve, com raios em ‘Y’, de 19 polegadas. Internamente, ela é adornada com acabamento interno em Alumínio Hexagon, duas opções de revestimento de teto BMW Individual em Anthracite e mais cinco tipos de revestimento dos bancos em couro Dakota.

BMW X2. Foto: Divulgação

BMW X2. Foto: Divulgação

Tecnologia e conforto também são destaque nesta versão. Itens como Comfort Access, capaz de controlar a abertura e o fechamento das portas sem a necessidade da chave, incluindo a tampa do porta-malas; espelhos retrovisores externos com função de memória, rebatimento e aquecimento; bancos dianteiros esportivos, Head-up display e Sistema de Navegação Plus; estão entre os diferenciais. A versão M Sport X está disponível em oito opções de cores externas: Branco Alpino, Preto Safira, Cinza Mineral, Azul Mediterrâneo, Galvanic Gold, Sunset Orange e Sparkling Storm, além da exclusiva Misano Blue.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Mais Lidas