Siga o Jornal de Brasília

Sexy Night

6 coisas que deixam homens muito inseguros dentro e fora da cama e mulheres não notam

Publicado

em

Inseguranças sobre questões estéticas, sociais e até mesmo relacionadas a sexo normalmente são bastante comentadas e exploradas no universo feminino, mas, acredite: muitos homens também experimentam a sensação de desconforto e falta de confiança dentro e fora da cama.

Inseguranças comuns entre os homens

1. Você pode achar que somente você passa horas na frente do espelho e se incomoda com os defeitinhos do corpo, mas eles também sentem certa insegurança com aquela barriguinha de chope, mesmo quando não admitem ou deixam explícita a vontade de exibir um tanquinho.

vaidade espelho homem 116 400x800
ART-OF-PHOTO/ISTOCK
 2. Homens também costumam se sentir inseguros quando suas parceiras ou mesmo uma pretendente possuem uma carreira mais sólida e conquistam avanços no mercado de trabalho enquanto eles ganham menos ou têm menor qualificação. Apesar de a mentalidade geral já ter evoluído bastante, isso ainda é determinante para a autoestima de muitos homens.

3. As questões profissionais e financeiras, aliás, têm grande peso para a maioria dos homens. Como socialmente são criados para serem “provedores”, podem se sentir inseguros quando perdem o emprego ou enfrentam problemas no orçamento.

4. Se você fala com seu parceiro sobre as viagens internacionais que fez, comenta sobre livros e filmes e percebe que ele sempre desconversa? Saiba que, por possivelmente não entender muito sobre o que está dizendo, acaba se sentindo inseguro e tenta evitar parecer “burro” na sua frente.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼
casal sexo inseguranca 0916 400x800
RDRGRAPHE/SHUTTERSTOCK

5. Na intimidade, o tamanho do pênis é provavelmente um dos maiores motivos de insegurança entre homens, mesmo quando o fato raramente faz qualquer diferença para a excitação da mulher.

6. Outro “pesadelo” masculino comum no sexo é a possibilidade de perder a ereção antes ou durante o ato, algo que, para a grande parte das mulheres, é considerado normal e não encarado como “falha” na masculinidade.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta