Como proteger seu animal de estimação das doenças comuns de outono

O clima seco de outono pode ser um vilão aos nossos companheiros de quatro patas

Com início em 20 de março até 21 de junho, as características principais do outono são mudanças bruscas de temperaturas, queda da umidade relativa do ar e aumento da ocorrência de ventos. Nessa época do ano nossos pets correm um maior risco de desenvolver doenças respiratórias, alérgicas e nas articulações. De acordo com os médicos veterinários Anderson Gouveia e Lorena Bastos, da Clinica Salud Pet, é necessário um cuidado redobrado e ainda mais atenção às especifidades que as mudanças repentinas de temperatura demandam. Confira algumas atitudes que devem ser tomadas para garantir a saúde dos bichinhos:

Doenças Respiratórias

A maioria das doenças que acometem os bichinhos nessa época são de origem respiratória e são de fácil transmissão. Provocadas por vírus ou bactérias, os sintomas são iguais ao de um resfriado comum: tosse, febre, espirros, indisposição, etc. Mantenha-os em locais longe de frio e correntes de ar e procure um veterinário caso venha a aparecer quaisquer dos sintomas mencionados anteriormente.

Dicas de cuidados com seu pet no outono. Foto: Divulgação

Problemas Oftalmológicos

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


O clima seco diminui a quantidade de lágrimas nos olhos, deixando-os mais vulneráveis à poluição, vírus e bactérias. É necessária atenção, pois como coçam com as patinhas podem causar ferimentos e lesões. Mantenha a higiene da região dos olhos sempre em dia, eles devem ser limpos com soro fisiológico e, em alguns casos, lubrificados diariamente com colírios específicos indicados pelo veterinário oftalmologista.

Problemas nas Articulações

Durante o outono as temperaturas diminuem e podem provocar sintomas de doenças e problemas nas articulações. As baixas temperaturas aumentam a sensibilidade das articulações, causando dor e desconforto principalmente em animais idosos. Alguns dos sintomas mais comuns são: dificuldade para se levantar e subir em escadas, sofás e camas, mancar e chorar ao se movimentar. É importante estar sempre atento ao seu pet. Caso perceba algo diferente, leve-o imediatamente ao veterinário. Tenha um cuidado especial com o local onde seu bichinho dorme, aposte em cobertores e uma caminha confortável.

Dicas de cuidados com seu pet no outono. Foto: Divulgação

Alergias de Outono

As alergias do seu pet podem aparecer em maior intensidade com a secura do ar, pois a falta de chuvas aumenta a quantidade de poeira e pólen no ar. Caso observe que seu bichinho tem espirrado mais que o de costume, ou tenha começado a bufar e roncar, além de sinais de coriza, ele pode estar com alergia. Os parasitas, como pulgas e carrapatos, também podem se tornar mais frequentes nessa época.

Cuidados simples no dia a dia, vacinação e visitas regulares ao veterinário previnem doenças e garantem o bem-estar e qualidade de vida de seu animalzinho de estimação.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

nove − nove =

Siga o BDF na rede

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Send this to a friend