Zeladora protocola pedido de cassação da vereadora Nanci Rafagnin Andreola junto à Câmara de Foz!

Zeladora protocola pedido de cassação da vereadora Nanci Rafagnin Andreola junto à Câmara de Foz!

Protocolada na última sexta-feira (16), na Câmara o pedido de cassação da Vereadora Nanci Mari Rafagnin Andreola, uma das principais empresárias de Foz do Iguaçu

O pedido foi baseado na quebra de decoro parlamentar por apresentar um atestado falso para curtir o Rock in Rio. O caso ganhou repercussão nacional com manchete nos principais veículos de comunicação e foi fruto de gozação por parte da sociedade Iguaçuense. Nanci que postulava nestas eleições voos maiores viu a sua trajetória política ser freada por uma zeladora. Esperando que os principais movimentos da moralidade tomasse alguma providência e sentindo-se humilhada, Andréia Moranda de Castro, esperou que a Campanha pela Moralização da Política de Foz, instituída por três importantes entidades de Foz do Iguaçu, viesse a questionar o ato da edil neste absurdo que tomou as manchetes do país, aqui estamos nos referindo ao Observatório Social, ACIFI e OAB, as entidades que encabeçam a referida campanha.

A zeladora Andréia Moranda de Castro protocolando o pedido na Câmara

Ficou visível para a sociedade Iguaçuense que a empresária e vereadora Nanci Rafagnin exerce um enorme prestígio dentro destas três entidades que se mostraram incompetentes em cobrar severidade deste absurdo cometido neste episódio. Está claro para alguns Iguaçuenses, que a Campanha pela Moralização da Política em Foz tinha um intuito na época da sua criação, eliminar adversários políticos e abrir espaços para o seu grupo. Estas entidades que não moveram uma palha sobre o caso Nanci, simplesmente calou-se. A Campanha caiu em total descrédito da população de Foz, mas não da zeladora Andréia Moranda, que correu atrás de justiça enfrentando o poderio econômico dos Rafagnin na cidade.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Moradora do bairro Morumbi, um bairro de pessoas trabalhadoras que acorda cedo para pegar no batente e que deve ficar horas numa fila de espera num posto médico, diferentemente da vereadora que ligou para um médico amigo e generoso na cidade de Campina Grande, nos arredores de Curitiba que fica a mais de 660 km de Foz para obter este instrumento que justificasse a sua falta ao trabalho, a nobre vereadora foi curtir o seu Rock in Rio sem ter o seu dia de trabalho descontado, portanto, pagamos também o seu ingresso. Inconformada com este silêncio absurdo, Andréia Moranda comprou a briga da cidade, partiu para fazer aquilo que muitos não tiveram coragem de fazer, denunciar a vereadora que entregou um atestado médico falso para curtir o famoso festival de rock na cidade do Rio de Janeiro. Tudo falso, até a SID utilizada pelo médico que afirmava em atestado lesões na perna para justificar a sua ausência no trabalho sem descontar o dia.

Campeã de faltas ao trabalho no ano de 2017, a vereadora se utilizou da varinha do Harry Potter para curar a sua enfermidade e postou no dia seguinte fotos sorrindo e de pé no famoso festival, totalmente curada da enfermidade acometida na perna, virando até deboche nas redes sociais. Muitos na cidade já questionaram se algum funcionário de uma das suas empresas se utilizasse deste artifício qual seria o desfecho deste colaborador? Demissão com certeza e por justa causa, como bem nos aponta a justificativa da Andréia Moranda no seu pedido de cassação. A vereadora hoje já é motivo de chacota por parte de toda a população, ganhou a alcunha de Nanci Rock in Rio e viu seu projeto político naufragar nas aguas da Baia de Guanabara.

Agora é só aguardar o que vai acontecer com o pedido de número 0394/2018, protocolado na sexta-feira, pedido este que se refere à cassação da vereadora Nanci Rafagnin Andreola, que por sinal é a Presidente da Comissão de ética (sic). De barba de molho, a população hoje monitora este pedido e os movimentos das entidades que se intitulavam moralistas da política que hoje caíram no descredito, principalmente o Observatório Social criado para coibir atos como este, porque o nome e o poderio dos Rafagnin são mais fortes do que eles todos juntos, que a justiça seja para todos, senhores.

Clique na imagem para ver a íntegra do pedido de cassação da vereadora Nanci

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

catorze − 1 =

BDF na Rede

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Send this to a friend