Sustentável: documentário sobre a terra e como salvá-la

#CineConsumoConsciente

O audiovisual é um poderoso aliado da conscientização das pessoas sobre a urgência em frear o consumismo e adotar práticas de Consumo Consciente, em especial os documentários. A cada 15 dias a coluna trará uma dica de filme com um mapa para saber mais sobre iniciativas, pessoas e dados citados nesses documentários. A ideia é facilitar a experiência de saber mais sobre histórias que alertam e inspiram, informam e conscientizam. O primeiro título do #CineConsumoConsciente é o Sustainable Documentary.

Sustentável é um filme sobre a terra, as pessoas que trabalham nela e o que deve ser feito para sustentá-la para as gerações futuras. O documentário de 2016 faz uma investigação sobre o sistema alimentar dos Estados Unidos e trata de questões agrícolas como perda de solo, esgotamento de água, mudanças climáticas e uso de pesticidas sob o ponto de vista de pessoas engajadas em corrigir as distorções desse modelo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


A narrativa do filme se concentra em Marty Travis, um fazendeiro de sétima geração no centro de Illinois que observou sua terra e sua comunidade serem vítimas das pressões do grande agronegócio. Determinado a criar um legado para seu filho, Marty transforma seu terreno desprovido de lucro e é pioneiro no movimento de alimentos sustentáveis em Chicago.

O filme conta história de agricultores de vanguarda que desafiam as decisões éticas por trás da agricultura industrial. É uma história de esperança e transformação, sobre a paixão pela terra e uma promessa de que ela pode ser restaurada para nos sustentar novamente.

Diretores

Matt Wechsler e Annie Speicher são os contadores de histórias da Hourglass Films atrás de “Sustentável”. O filme é um projeto de paixão para eles, combinando seus papéis como ativistas de alimentos com seus talentos como documentaristas. “Sustentável” foi exibido em mais de 20 festivais de filmes em todo o mundo e recentemente ganhou o Prêmio Humanitário Global Accolade 2016 para o Desempenho Destaque. O seu trabalho anterior inclui o documentário “Different is the New Normal”, anunciado em Nova York em 2012, que foi transmitido a nível nacional no PBS e foi narrado por Michael J. Fox. Atualmente, eles estão trabalhando em um novo filme chamado “Direito ao Dano” sobre os efeitos sobre a saúde da agricultura de fábrica em rurais americanos. O filme está programado para estrear em 2018.


Para saber +

Especialistas

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

Rick Bayless
O chef americano é especializado em culinária mexicana e mantém a Frontera Farmer Fundation (FFF). A organização sem fins lucrativos foi criada em 2003 e atua na promoção de pequenas fazendas sustentáveis ​​que atendem a área de Chicago (Ilinois) por meio de bolsas de desenvolvimento de capital. A Fundação prevê um intercâmbio durante todo o ano entre agricultores e consumidores sustentáveis, incluindo os patronos e os chefs dos mercados dos agricultores, nos quais a agricultura local sazonal é a base para a culinária regional sustentável.
FacebookTwitterSite


Mark Bittman
O jornalista especializado em alimentos foi colunista do The New York Times durante 13 anos, onde assinou a coluna “The Minimalist”. É autor de 14 livros, incluindo o best-seller How to Cook Everything and Vegan Before 6 P.M. Seu livro de receitas mais recente é How to Cook Everything Fast. Ele recebeu os prêmios da Associação Internacional de Professores Culinários, Julia Child e James Beard por sua obra.
FacebookTwitterSiteTED


Dan Barber
O chef de cozinha nova-iorquino – dos restaurante Blue Hill, em Nova York, e do Blue Hill at Stone Barns – é uma das figuras-chave do movimento farm-to-table nos EUA, que preconiza a sazonalidade e o aproveitamento direto, na cozinha, do que agricultores locais têm a oferecer. Formado em literatura e ciência política, Barber cultiva pendores intelectuais. É autor do livro The Third Plate (O Terceiro Prato, de 2014, sem tradução em português).
FacebookTwitterSiteTEDTED II


Marion Nestle
A professora de Nutrição, Estudos Alimentares e Saúde Pública da Universidade de Nova York, discute como as políticas precisam mudar para tornar a escolha saudável também a escolha fácil para os consumidores. Ela fala que os sistemas alimentares estão na base de alguns dos maiores desafios do mundo, desde a desnutrição até a obesidade e suas consequências para doenças crônicas – sem mencionar as emissões de gases de efeito estufa, às quais a agricultura contribui com mais do que o transporte. Sua pesquisa examina as influências científicas e socioeconômicas sobre escolha de alimentos, obesidade e segurança alimentar, enfatizando o papel da comercialização de alimentos.
FacebookTwitterSiteVídeo 1Vídeo 2


Kelly D. Brownell
O americano é cientista, professor e especialista de renome internacional em obesidade. Decano da Escola Sanford de Políticas Públicas da Duke University e professor de políticas públicas. Atua no conselho de diretores do Duke Global Health Institute, criado como um instituto universitário para coordenar, apoiar e implementar as atividades de pesquisa, educação e atividades interdisciplinares da Duke relacionadas à saúde global. Sua pesquisa aborda principalmente a obesidade e a interseção de comportamento, meio ambiente e saúde com políticas públicas. Ele foi nomeado em 2006 como um dos “100 pessoas mais influentes do mundo” pela revista Time.
LinkedinSite


Iniciativas

Movimento Slow Food
A forma como nos alimentamos tem profunda influência no que nos rodeia – na paisagem, na biodiversidade da terra e nas suas tradições. Para um verdadeiro gastrônomo é impossível ignorar as fortes relações entre prato e planeta. Além disso, melhorar a qualidade da nossa alimentação e arranjar tempo para a saborear, é uma forma simples de tornar o nosso cotidiano mais prazeroso. Esta é a filosofia do Slow Food.
Slow Food USA: FacebookTwitterSite
Slow Food Brasil: FacebookTwitterSite

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Eat Well Guide
Diretório com curadorias de mais de 25 mil restaurantes, fazendas, mercados e outras fontes de alimentos locais e sustentáveis ​​em todo os Estados Unidos.
FacebookTwitterSite


SRAP
O Projeto Agrícola Socialmente Responsável (SRAP) trabalha em todo os EUA ajudando as comunidades a se protegerem dos impactos negativos das fazendas industriais, oficialmente chamadas Operações de Alimentação Animal Concentrada (CAFOs). O SRAP dá aos agricultores familiares, fazendeiros e outros cidadãos rurais as ferramentas necessárias para desenvolver e sustentar alternativas ecologicamente saudáveis, economicamente viáveis ​​e humanas para agricultura industrial.
FacebookTwitterSite


Rodale Institute
O Instituto Rodale foi fundado em 1947 pelo pioneiro orgânico J.I. Rodale e estuda a ligação entre solo saudável, alimentos saudáveis ​​e pessoas saudáveis. Atua em pesquisas inovadoras em agricultura orgânica, defendendo políticas que apoiem os agricultores e educando as pessoas sobre a forma como a opção orgânica é a mais segura e saudável para as pessoas e o planeta.
FacebookTwitterSite


Food Policy Action
Foi foi estabelecida em 2012 nos EUA através da colaboração de líderes nacionais da política alimentar com o objetivo de responsabilizar os legisladores sobre os votos que afetam os alimentos e a agricultura. O objetivo dessa iniciativa é mudar o diálogo americano sobre política alimentar educando o público sobre a forma como os eleitos estão votando nessas questões.
FacebookTwitterSite


Organic Consumers Association
A Associação de Consumidores Orgânicos (OCA) é uma organização de interesse público sem fins lucrativos online e de base para a saúde, a justiça e a sustentabilidade. A OCA trata de questões cruciais de segurança alimentar, agricultura industrial, engenharia genética, saúde infantil, responsabilidade corporativa, Comércio Justo, sustentabilidade ambiental e outros temas-chave. É a única organização nos EUA focada exclusivamente na promoção dos pontos de vista e dos interesses dos 50 milhões de consumidores orgânicos e socialmente responsáveis.
FacebookTwitterSite

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

dois × quatro =

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Send this to a friend