Crianças e jovens de 8 a 17 anos exibem filmes em festival no DF

festival

Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante apresenta 50 filmes no CCBB até 21 de janeiro; entrada é gratuita. Evento também oferece oficinas de cinema

Depois de duas mostras de cinema infantil em Brasília – o “Festivalzinho”, do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, e a “Mostra Calanguinho”, do Curta Brasília –, agora são as próprias crianças que assinam as produções no Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante, que chegou à capital nesta quinta-feira (4).

O evento vai exibir cerca de 50 filmes produzidos por crianças e jovens de 8 a 17 anos no Brasil e no exterior. A programação segue até dia 21 de janeiro no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) e a entrada é gratuita. As sessões ocorrem sempre das 15h às 18h.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


O objetivo do festival é ampliar os espaços de exibição da produção audiovisual infantojuvenil e oferecer possibilidades de qualificação das crianças e jovens neste meio. Por isso, além das sessões de cinema, serão realizadas oficinas gratuitas sobre linguagem audiovisual (saiba mais abaixo).

Voz à juventude
Cena do filme ‘Cicatrizes’, participante do Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante (Foto: Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante/Divulgação)

Desde 2010, quando foi criado pela atriz e produtora Daniela Gracindo, o festival rodou 500 filmes de 28 países no Rio de Janeiro, onde é realizado todos os anos. “A nossa premissa é dar voz à infância e à juventude”.

Cena do filme ‘Cambia menti’, participante do Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante (Foto: Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante/Divulgação)

“O festival surgiu de uma crença minha de que a juventude precisa de um espaço qualificado para produzir. As crianças têm um visão menos viciada, menos condicionada. Abrem novas possibilidades de pensamento”, afirma Daniela.

“O que essas crianças e jovens têm para contar de fato contribui para nossa cultura e merece um diálogo de igual para igual.”

De acordo com a produtora, a abertura do evento para produções internacionais amplia ainda mais o intercâmbio de linguagens e visões de mundo. “É muito interessante ver os pontos de interseção de conflitos, onde se encontram, se diferenciam e se completam.”

O aprendizado, no entanto, não fica restrito às crianças. “Nas oficinas, percebo que elas têm muito a ensinar”, diz a criadora do festival. “É uma oportunidade para pegar carona no olhar da infância e da juventude, que têm esse frescor.”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

“É uma oportunidade para pegar carona no olhar da infância e da juventude, que têm esse frescor.”

Como exemplo, Daniela cita o filme “Ironia”, de um jovem australiano que critica a forma como as tecnologias vêm dominando a cultura do país. “Ele fala disso de uma maneira surpreendente, que choca. Vejo muito a qualidade e maturidade dos assuntos.”

Mostras
Cena do filme ‘A swan dive’, participante do Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante (Foto: Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante/Divulgação)

O festival será dividido em duas mostras com produções de crianças de 8 a 12 anos e outras duas com filmes de jovens de 14 a 17 anos, sendo sempre uma nacional e outra internacional.

Haverá, ainda, uma exibição exclusiva de filmes premiados na edição de 2017 nas categorias nacional e internacional do júri técnico e do júri popular, além da mostra “Sustente sua História”, com curtas nacionais e internacionais que têm como tema o meio ambiente.

Cena do filme ‘Grandma’s gift’, participante do Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante (Foto: Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante/Divulgação)

Um curta-metragem produzido por crianças e adolescentes inscritos na oficina “Pequeno Cineasta” será exibido no último dia do festival (21) às 18h. “Ao longo de seis dias, dez jovens vão aprender o processo inteiro de um curta e, depois, o filme vai ser exibido”, explica Daniela. As vagas para o curso estavam esgotadas até a publicação desta reportagem.

Filmes produzidos nesta mesma oficina nas edições de 2017 e de 2016 do festival serão exibidos em uma mostra exclusiva que ocorre aos sábados e domingos.

Oficinas
Cena do filme ‘Me ensina a olhar’, participante do Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante (Foto: Festival Internacional Pequeno Cineasta Itinerante/Divulgação)

As oficinas ocorrem nesta sexta (5) e sábado (6) e entre os dias 18 e 20, das 10h30 às 13h. “Eles vão aprender a linguagem audiovisual a partir da montagem de uma cena, que vão receber prontinha no dia seguinte por e-mail”, explicou a professora e idealizadora do evento, Daniela.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


“Câmera na mão e ideia na cabeça para aprender imagem, expressão, narrativa, direção de atores e termos técnicos. Cada um vai assumir uma função: câmera, direção, claquete.”

Para participar, é preciso pegar senha na bilheteria do CCBB com uma hora de atencedência. Serão disponibilizadas dez vagas por dia, sendo quatro exclusivas para clientes Banco do Brasil. Caso estas não sejam preenchidas, serão abertas ao público geral. A faixa etária para participar é de 12 a 17 anos.

BDF na Rede

         

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Janeiro, 2018

Filtrar eventos

19jan(jan 19)22:0020(jan 20)05:00Festa das Academias com Fit Dance

20jan(jan 20)21:0021(jan 21)05:00Baile Classe A Com Dan Lellis Na Fazenda

20jan(jan 20)22:0021(jan 21)05:00Sorriso Maroto

26jan(jan 26)22:0027(jan 27)05:00Baile do Delano

26jan(jan 26)22:0027(jan 27)05:00Esqueci como Namora

27jan(jan 27)22:0028(jan 28)05:00Festa Nordestina Vip com ZEZO

X

Send this to a friend