Festival internacional Fulldome em Brasília

Festival internacional Fulldome em Brasília

Pela primeira vez no Brasil, evento vai reunir 21 filmes de 10 países diferentes para exibição com tecnologia fulldome

O contato com realidades fantásticas, criadas digitalmente, que promovem sensações e percepções profundas. Este é o convite do inédito IMMERSPHERE, o 1º Festival Internacional de Fulldome de Brasília, que acontece de 1º a 5 de novembro, no Planetário de Brasília. Através da manipulação áudio-visual de produções concebidas para a exibição em ambiente fulldome, os espectadores poderão vivenciar verdadeiras viagens em camadas em que o real e o virtual se cruzam.

Pela primeira vez realizado no Brasil, IMMERSPHERE, o 1º Festival Internacional de Fulldome de Brasília vai exibir 21 filmes produzidos em diferentes países. Serão sete produções do Brasil, cinco da Grã-Bretanha, duas da França, duas da Colômbia e uma de Canadá, Bélgica, México e Espanha. A ideia é proporcionar uma experiência coletiva em ambiente fulldome de grande dimensão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


A curadoria leva a assinatura dos pesquisadores Marilia Paculli (representante brasileira de grandes exposições de arte digital), Ricardo Dal Farra (professora de música e artemídia da Concordia University, no Canadá) e Suzete Venturelli (pós-doutora pela USP e doutora em Artes e Ciência da Arte pela Sorbonne). Segundo eles, as abordagens criativas em tecnologia estão reformulando a maneira que o homem contemporâneo concebe o espaço. “Numa exibição em fulldome, o mundo inteiro pode parecer estar se movendo, os sons e imagens podem enganar nossos sentidos”, avisa Dal Farra. E Suzete Venturelli complementa: “Pretende-se destacar o processo que acontece no nível da imersão e da realidade aumentada que induzem à sinestesia, num cruzamento de sensações, que abrem caminhos para novas metáforas”.

As projeções serão no Planetário de Brasília.

 

No total, 21 produções disputarão seis prêmios: Melhor Filme (o único com premiação em dinheiro, R$ 6.000,00), Prêmio do Público (júri popular), Prêmio Planetário (indicado pelo diretor do Planetário), Melhor Filme Experimental, Melhor Narrativa e Melhor Experiência Sonora. Além destes, uma mostra paralela, não-competitiva, vai exibir outra dezena de títulos, ampliando a experiência de assistir a produções realizadas com tecnologia Fulldome – com os filmes projetados em telas semiesféricas.

Além das exibições, IMMERSPHERE – 1º Festival Internacional de Fulldome de Brasília abre espaço para workshops com conteúdos da área audiovisual e fulldome, palestras e apresentações de projetos/pesquisas.

O festival vai contar ainda com exposição de arte e tecnologia, culminando com a publicação de um catálogo contendo resumo das obras e artigos científicos selecionados. Os filmes e a exposição poderão ser vistos até o dia 30 de novembro, no Planetário de Brasília. IMMERSPHERE acolhe público de todas as idades.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

 

Selecionados

Mostra Competitiva
  • Into The Sublime – Alice Kilkenny (Grã-Bretanha)
  • Nuctemeron – Andrei Rubine Thomaz/Vitor Kisil Miskalo (Brasil)
  • Cosmografias – Andreia Oliveira/Alexandre Montibeller/Cristiano Figueiró/Evaristo do Nascimento/Fabio de Almeida/Matheus Moreno/Muriel Paraboni (Brasil)
  • Demarcar, Resistir! – Aníbal Alexandre Lima Diniz, Victor Hugo Soares Valentim (Brasil)
  • Brownian motion – Benjamin Vendrenne (França)
  • Hybris – Carmen Gil Vrolijk/Camilo Giraldo Angel (Colômbia)
  • Infinite Horizons – Diana Reichenbach (EUA)
  • Circus Of Anxiety – Emily Briselden-Waters (Grã-Bretanha)
  • Mindscapes #33 – Fernando Velázquez (Brasil)
  • Morphology for microcellular injection – Israel López/Fátima Ramírez (México)
  • Uma Observación al Fin del Mundo/An observation – Juan David Figueroa/Álvaro Rodríguez/Carlos Serrano (Colômbia)
  • Cycles – Juliette Poggi (Grã-Bretanha)
  • FUGA – Leandro Mendes – VIGAS (Brasil)
  • The Light of Home – Michaela French (Grã-Bretanha)
  • Quadratic – Mike Latona/Marine Maschine (Bélgica)
  • The five sidereal movements – MiNuiT (França)
  • Hyperspace – Robert Walker (Grã-Bretanha)
  • CERNUNNOS – Sean Caruso (Canadá)
  • AR – United VJs (Brasil)
  • Synapse – Vinicius Luz/Edgar Salmen/Bruno Bez
  • Sacred Geometry – Vj Eletroiman/Omar Prole/Homem Gaiola (Espanha)

 

Mostra Paralela
  • Hello Earth – Paulina Majda (Polônia)
  • Life under the Artic Sky – Robin Sip (Holanda)
  • TIM – Nicolas Noël Jodoin/Joël-Aimé Beauchamp (Canadá)
  • Belisário, the little big hero of the cosmos – Hernán Moyano (Argentina)
  • Dream to Fly – Paulina Majda (Polônia)
  • O céu como patrimônio – Maurício Silva Gino/Vitor Amaro Lacerda (Brasil)

IMMERSPHERE – 1ª Festival Internacional de Fulldome de Brasília

Data: de 1º a 5 de novembro

Local: Planetário de Brasília

Exibições: até 30 de novembro, dentro da programação do Planetário

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Inscrições e informações: http://immersphere.com.br

BDF na Rede

         

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Dezembro, 2017

Filtrar eventos

16dez(dez 16)22:0017(dez 17)22:00Festa das Patroas Brasília com Maiara & Maraisa e Marilia Mendonça

X

Send this to a friend