Festival internacional Fulldome em Brasília | Brasília de Fato

Festival internacional Fulldome em Brasília

Festival internacional Fulldome em Brasília

Pela primeira vez no Brasil, evento vai reunir 21 filmes de 10 países diferentes para exibição com tecnologia fulldome

O contato com realidades fantásticas, criadas digitalmente, que promovem sensações e percepções profundas. Este é o convite do inédito IMMERSPHERE, o 1º Festival Internacional de Fulldome de Brasília, que acontece de 1º a 5 de novembro, no Planetário de Brasília. Através da manipulação áudio-visual de produções concebidas para a exibição em ambiente fulldome, os espectadores poderão vivenciar verdadeiras viagens em camadas em que o real e o virtual se cruzam.

Pela primeira vez realizado no Brasil, IMMERSPHERE, o 1º Festival Internacional de Fulldome de Brasília vai exibir 21 filmes produzidos em diferentes países. Serão sete produções do Brasil, cinco da Grã-Bretanha, duas da França, duas da Colômbia e uma de Canadá, Bélgica, México e Espanha. A ideia é proporcionar uma experiência coletiva em ambiente fulldome de grande dimensão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


A curadoria leva a assinatura dos pesquisadores Marilia Paculli (representante brasileira de grandes exposições de arte digital), Ricardo Dal Farra (professora de música e artemídia da Concordia University, no Canadá) e Suzete Venturelli (pós-doutora pela USP e doutora em Artes e Ciência da Arte pela Sorbonne). Segundo eles, as abordagens criativas em tecnologia estão reformulando a maneira que o homem contemporâneo concebe o espaço. “Numa exibição em fulldome, o mundo inteiro pode parecer estar se movendo, os sons e imagens podem enganar nossos sentidos”, avisa Dal Farra. E Suzete Venturelli complementa: “Pretende-se destacar o processo que acontece no nível da imersão e da realidade aumentada que induzem à sinestesia, num cruzamento de sensações, que abrem caminhos para novas metáforas”.

As projeções serão no Planetário de Brasília.

 

No total, 21 produções disputarão seis prêmios: Melhor Filme (o único com premiação em dinheiro, R$ 6.000,00), Prêmio do Público (júri popular), Prêmio Planetário (indicado pelo diretor do Planetário), Melhor Filme Experimental, Melhor Narrativa e Melhor Experiência Sonora. Além destes, uma mostra paralela, não-competitiva, vai exibir outra dezena de títulos, ampliando a experiência de assistir a produções realizadas com tecnologia Fulldome – com os filmes projetados em telas semiesféricas.

Além das exibições, IMMERSPHERE – 1º Festival Internacional de Fulldome de Brasília abre espaço para workshops com conteúdos da área audiovisual e fulldome, palestras e apresentações de projetos/pesquisas.

O festival vai contar ainda com exposição de arte e tecnologia, culminando com a publicação de um catálogo contendo resumo das obras e artigos científicos selecionados. Os filmes e a exposição poderão ser vistos até o dia 30 de novembro, no Planetário de Brasília. IMMERSPHERE acolhe público de todas as idades.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

 

Selecionados

Mostra Competitiva
  • Into The Sublime – Alice Kilkenny (Grã-Bretanha)
  • Nuctemeron – Andrei Rubine Thomaz/Vitor Kisil Miskalo (Brasil)
  • Cosmografias – Andreia Oliveira/Alexandre Montibeller/Cristiano Figueiró/Evaristo do Nascimento/Fabio de Almeida/Matheus Moreno/Muriel Paraboni (Brasil)
  • Demarcar, Resistir! – Aníbal Alexandre Lima Diniz, Victor Hugo Soares Valentim (Brasil)
  • Brownian motion – Benjamin Vendrenne (França)
  • Hybris – Carmen Gil Vrolijk/Camilo Giraldo Angel (Colômbia)
  • Infinite Horizons – Diana Reichenbach (EUA)
  • Circus Of Anxiety – Emily Briselden-Waters (Grã-Bretanha)
  • Mindscapes #33 – Fernando Velázquez (Brasil)
  • Morphology for microcellular injection – Israel López/Fátima Ramírez (México)
  • Uma Observación al Fin del Mundo/An observation – Juan David Figueroa/Álvaro Rodríguez/Carlos Serrano (Colômbia)
  • Cycles – Juliette Poggi (Grã-Bretanha)
  • FUGA – Leandro Mendes – VIGAS (Brasil)
  • The Light of Home – Michaela French (Grã-Bretanha)
  • Quadratic – Mike Latona/Marine Maschine (Bélgica)
  • The five sidereal movements – MiNuiT (França)
  • Hyperspace – Robert Walker (Grã-Bretanha)
  • CERNUNNOS – Sean Caruso (Canadá)
  • AR – United VJs (Brasil)
  • Synapse – Vinicius Luz/Edgar Salmen/Bruno Bez
  • Sacred Geometry – Vj Eletroiman/Omar Prole/Homem Gaiola (Espanha)

 

Mostra Paralela
  • Hello Earth – Paulina Majda (Polônia)
  • Life under the Artic Sky – Robin Sip (Holanda)
  • TIM – Nicolas Noël Jodoin/Joël-Aimé Beauchamp (Canadá)
  • Belisário, the little big hero of the cosmos – Hernán Moyano (Argentina)
  • Dream to Fly – Paulina Majda (Polônia)
  • O céu como patrimônio – Maurício Silva Gino/Vitor Amaro Lacerda (Brasil)

IMMERSPHERE – 1ª Festival Internacional de Fulldome de Brasília

Data: de 1º a 5 de novembro

Local: Planetário de Brasília

Exibições: até 30 de novembro, dentro da programação do Planetário

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Inscrições e informações: http://immersphere.com.br

BDF na Rede

         

PUBLICIDADE

Agosto, 2018

Filtrar eventos

30jun(jun 30)18:0009set(set 9)00:00Na Praia ° 2018

18ago(ago 18)23:0019(ago 19)17:00PsycoTrance 2018

PUBLICIDADE
X

Send this to a friend