Flávio Bolsonaro e Fabrício Queiroz são denunciados por rachadinha

Eles foram denunciados por peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa no esquema de rachadinha na Alerj

O Ministério Público do rio de Janeiro (MPRJ) denunciou, nesta segunda-feira (28), Flávio Bolsonaro e Fabrício Queiroz por peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa no esquema de rachadinha na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

De acordo com o MP, Flávio é apontado como líder da organização criminosa e Queiroz como operador do esquema. De acordo com as investigações, Flávio usou,  deputado estadual pelo Rio de Janeiro, pelo menos R$ 2,7 milhões do esquema em dinheiro vivo.

Os recursos repassados por ex-assessores a Queiroz por meio de depósitos, transferências bancárias e em espécie.

Send this to a friend