Turma do STF rejeita denúncia de Janot contra Renan Calheiros

Por unanimidade, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou hoje (10) denúncia do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot contra o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) e o deputado federal Aníbal Gomes (PMDB-CE), na Operação Lava Jato. A denúncia é de fevereiro.

O colegiado seguiu voto do relator ministro Edson Fachin. O magistrado entendeu que não há provas para justificar a abertura de ação. Além disso, Fachin disse que a PGR baseou a denúncia apenas nos depoimentos de delação do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa e não apresentou o relatório final das investigações. O entendimento foi acompanhado pelos ministros Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Dias Toffoli.

Na denúncia, Janot acusou os parlamentares do recebimento de R$ 800 mil de propina em forma de doação legal de campanha, em troca de garantir um contrato entre a empresa de engenharia Serveng Civilsan e a Petrobras.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


De acordo com o ex-procurador, o esquema envolveria a atuação do ex-diretor da petroleira estatal Paulo Roberto Costa, cuja manutenção no cargo teria sido chancelada por Renan Calheiros. Nas tratativas, Aníbal Gomes teria servido de intermediário entre o senador, a empresa e a Petrobras, segundo Janot.

À época da apresentação da denúncia, o senador negou as acusações e disse estar confiante no esclarecimento dos fatos.

 

André Richter, com edição de Fernando Fraga
Agência Brasil

BDF na Rede

         

PUBLICIDADE

Julho, 2018

Filtrar eventos

26jun(jun 26)14:0005ago(ago 5)01:00Abertura Brasília Ice Park

30jun(jun 30)18:0009set(set 9)00:00Na Praia ° 2018

21jul(jul 21)20:0022(jul 22)08:00Low Club - Edição Férias em Dubai

27jul(jul 27)22:0028(jul 28)04:00Mumuzinho em BrasíliaDallas Bar

28jul(jul 28)23:4529(jul 29)03:00Capital Inicial em Brasília/DF - Capital Moto Week 2018

PUBLICIDADE
X

Send this to a friend