17ª DP combate feminicídio em Taguatinga

violência sexual

O fato ocorreu no dia 26 de dezembro do ano passado, na casa da vítima, localizada em Taguatinga.

Policiais da 17ª DP prenderam, preventivamente, na última semana, um homem de 28 anos acusado de praticar tentativa de feminicídio contra a ex-namorada. 

O autor, que não aceitava o fim do relacionamento, foi à residência da vítima, munido de uma faca e, após uma discussão motivada por ciúmes, desferiu cinco facadas na mulher. Ela foi atingida nas costas e face.  O envolvido levou os policiais ao local onde havia dispensado a faca, que foi localizada e apreendida.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Outro homem, de 28 anos, foi preso, preventivamente, pelo mesmo crime, no último sábado (5). Ele foi detido pela Polícia Militar do DF, após representação da autoridade policial junto ao Judiciário pela prisão. O crime foi cometido contra uma mulher, de 40 anos, em Taguatinga. No dia 2 de janeiro, o autor agrediu a vítima com socos no rosto e bateu a cabeça dela contra a parede, várias vezes, até a mulher desmaiar. Ela foi encaminhada ao HRT. De acordo com a delegacia, o acusado já foi condenado, outras três vezes, pela prática de violência doméstica contra a vítima. O envolvido estava solto desde o dia 8 de dezembro. 

 Os autores foram recolhidos ao Sistema Prisional.

Taguatinga 

Um homem foi preso por ameaça e lesão corporal, na noite deste domingo (6), no Recanto das Emas. Uma equipe da Polícia Militar fazia patrulhamento de rotinaquando foi acionada para atender uma ocorrência de violência doméstica na Chácara 5, nos fundos da Quadra 804 da região administrativa.

No local, os policiais ouviram vários gritos de socorro vindos de uma mata nos fundos de uma casa. Ao se aproximar, a equipe visualizou uma mulher e seu filho. A vítima, de 30 anos, informou que havia sido agredida e apresentava lesões na cabeça e no braço. Informou ainda ter sido ameaçada de morte pelo companheiro e, com medo, fugiu para o matagal para ficar com seu filho.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

Com medo, ele já estava escondido ali há mais de uma hora. Sua idade não foi informada. Questionada sobre o paradeiro do agressor, a vítima informou que o homem fugiu em direção à cidade.

No momento em que a equipe saía para registrar o fato, o suspeito de 51 anos apareceu e recebeu voz de prisão. O homem informou aos policiais que não era companheiro da vítima, mas foi desmentido por ela. Ele foi conduzido à 27ª Delegacia de Polícia, onde foi autuado por lesão corporal e ameaça.

 

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

quatro × três =

Send this to a friend