Fiscalização segue intensa no Carnaval no DF

A cada hora, nos três primeiros dias de Carnaval, 20 motoristas foram multados por excesso de velocidade e outros seis por conduzir veículos sob efeito de álcool.

A cada hora, nos três dias de Carnaval, 20 motoristas foram multados por excesso de velocidade e outros seis por conduzir veículos sob efeito de álcool no Distrito Federal. Os dados são da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Militar que, juntas, autuaram quase duas mil pessoas desde sexta-feira. Cinco foram presos. Esquemas especiais de fiscalização seguem até hoje.

A Polícia Militar autuou 797 motoristas por infrações de trânsito. A maioria (262) foi justamente a condutores que insistem em dirigir depois de consumirem bebidas alcoólicas pelas ruas da cidade. Destes, cinco apresentaram índice alcoólico acima de 0,33 miligramas de álcool por litro de ar alveolar, o que é considerado crime, e foram detidos imediatamente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Os motoristas que conduzem os trios elétricos e fazem a alegria dos foliões nos principais blocos carnavalescos de Brasília também estão sendo parados para fazer o teste de bafômetro antes de sair às ruas. De acordo com os policiais, em três dias, nenhum deles foi barrado por conta do consumo de álcool.

Durante as abordagens no trânsito, a Polícia Militar também apreendeu 203 carteiras de habilitação irregulares e levou 25 veículos para os depósitos do Distrito Federal. Durante as blitze foram aplicadas ainda 211 multas a motoristas que falavam ao celular enquanto dirigiam, além de sete notificações por transporte pirata realizado pelas ruas da capital.

Por excesso de velocidade, mais de 1,5 mil motoristas foram multados nas rodovias do Distrito Federal e da Região Metropolitana. Somente no último domingo, 529 veículos acima do limite de velocidade foram flagrados nas BRs 060 e 070. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, os radares foram colocados em trechos com altos índices de acidente.

Velocidade

Na BR-070, um carro foi flagrado trafegando além do dobro da velocidade permitida de 60 km/h. Ali, os radares pegaram um veículo a 132 km/h. Apesar do limite mais alto, de 110 km/h, a BR-060 também foi palco de corredores. Fiscalizadores identificaram um motorista a 163km/h, quase 50% superior à velocidade da rodovia. Nesses casos, a infração é gravíssima e o condutor pagará multa de R$ 880,41, além da suspensão do direito de dirigir.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

A intensificação das ações, segundo a corporação, visa evitar acidentes. “Em velocidades altas a chance de acontecer um acidente é maior, além de aumentar a gravidade com que estes acidentes acontecem”, explica a PRF, que também trabalha com radares móveis.

BDF na Rede

         

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Fevereiro, 2018

Filtrar eventos

23fev(fev 23)23:0024(fev 24)06:00Shed Bar com Naiara Azevedo

24fev15:0023:00Bloquinho Adocica Meu Amô com Atitude 67

24fev(fev 24)22:0025(fev 25)03:00Discoteca

24fev(fev 24)22:0025(fev 25)05:00Xande de Pilares -Bamboa

X

Send this to a friend