Fifa suspende Guerrero por mais 20 dias, diz presidente de federação peruana

A Fifa prorrogou por mais 20 dias a suspensão provisória imposta ao atacante peruano Paolo Guerrero, enquanto avalia se aplicará uma sanção maior de acordo com as investigações sobre um possível doping do jogador, anunciou nesta terça-feira o presidente da Federação Peruana de Futebol (FPF), Edwin Oviedo.

Guerrero, que inicialmente foi sancionado por um mês no dia 3 de novembro, seguirá inabilitado, sem poder jogar nem treinar com o Flamengo e a seleção peruana até 24 de dezembro.

A decisão impedirá o jogador de disputar a final da Copa Sul-Americana contra o Independiente, cujas partidas estão marcadas para esta quarta-feira e para o dia 13.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


“Esperamos que este tempo que estão tomando seja para poder resolver favoravelmente”, disse Oviedo em referência à decisão do Comitê Disciplinar da Fifa.

A expectativa é que nesse prazo a Fifa se pronuncie sobre a investigação realizada a respeito do jogador e anuncie se aplicará uma punição maior.

Durante a audiência realizada na semana passada em Zurique, na Suíça, a Fifa concluiu que a benzoilecgonina, principal metabolito da coca encontrado no exame de Guerrero, não procedia do consumo de cocaína.

Pelos baixos níveis achados nas análises, a defesa do atacante alegou que a substância é fruto da ingestão de um chá contaminado com restos de folhas de coca, nos dias anteriores à partida entre Peru e Argentina, disputada em 5 de outubro em Buenos Aires.

Se a Fifa aplicar uma sanção maior que sete meses, Guerrero ficará sem jogar o primeiro semestre de 2018 pelo Flamengo e também não voltaria a tempo de defender a seleção peruana na Copa do Mundo de 2018.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

BDF na Rede

         

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Dezembro, 2017

Filtrar eventos

16dez(dez 16)22:0017(dez 17)22:00Festa das Patroas Brasília com Maiara & Maraisa e Marilia Mendonça

X

Send this to a friend