Como proteger seus pássaros no inverno

pássaros

Veja os cuidados que devemos ter no inverno, mantendo os pássaros bem alojados e bem alimentados

A proteção das aves de plantel ou ornamentais, é muito importante. Garantir a saúde dos animais, com produtos eficientes e de qualidade, reduz os riscos de doenças na criação.

Afirma-se, de uma forma generalizada, que as aves possuem um metabolismo mais acelerado em relação aos mamíferos, logo, é importante ter uma atenção maior quanto à identificação das doenças.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Atribui-se a esse metabolismo acelerado, a chegada de manifestações, e doenças que afetam essas aves ou até mesmo todo plantel.

Identificar doenças nos pássaros não é tarefa fácil, pois, muitas dessas doenças indicam sintomas semelhantes, sendo que na maioria das vezes, determina um quadro indefinido.

Nessa época do ano em específico, o melhor cuidado para com as aves é aquecê-las. O calor, e um bom antibiótico são em muitos casos a forma mais fácil de se obter sucesso no tratamento.

Para finalizar, segue nesse último parágrafo algumas informações sobre ”Peito Seco”, ”Peito Faca” ou ”Peito em Quilha”, denominações diferentes que descrevem uma situação de debilidade relativamente comum entre os pássaros. Não trata-se de um doença, mas sim, de um quadro de queda da imunidade do pássaro e consequente instalação de uma infecção crônica. O pássaro passa então a utilizar a reserva das proteínas musculares, com atrofia dos músculos peitorais e consequente pronunciamento do osso esterno ou ”quilha”, daí a denominação ”Peito Seco”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

Cuidados com a higiene, manter seu ambiente aquecido, diminuição das chances de estresse e adequada alimentação, são práticas que colaboram muito para o não surgimento de doenças.

Confira algumas dicas

Primeiramente devemos manter qualquer tipo de pássaro fora de correntes de vento frio ou expô-los a mudanças climáticas, para que não venham a contrair doenças como: pneumonia e corizas, vindo assim a adoecer. Mesmo no frio as aves devem tomar sol, o sol é uma fonte fundamental para que as aves possam ter um desenvolvimento saudável do esqueleto. Os pássaros podem sintetizar a vitamina D3 da luz solar através da pele.

Curiosidade sobre a absorção da luz do sol

Como a pele das aves está coberta com penas, elas não podem utilizar a própria pele para absorver a luz solar. Na maioria das aves, a glândula uropigeal recolhe a pré-D3 do sangue, e acumulando-a nos óleos glandular. Estes são depois expostos á radiação UVB quando a ave se limpa e cuida da plumagem. Mais tarde a ave ingere materiais expostos aos UV quando volta a se limpar e a cuidar da sua plumagem, e o óleo entra no organismo como pré-vitamina D. O fígado e os rins transformam esta em vitamina D3.

Vitaminas: É necessário oferecer também vitaminas que possivelmente não estão sendo absorvidas por outros meios, então é indicado que se forneça fontes de vitamina: A, D3, E, B1, B2, B6, B12, Cálcio, Ferro e aminoácidos. para que a ave garanta os níveis de vitaminas no organismo ajudando a se manter mais forte e saudável.

Banhos

Mesmo no inverno os pássaros devem tomar banho, ofereça a banheira com água 2 vezes por semana no mínimo, removendo a banheira após o banho, nunca deixe a banheira por muito tempo dentro da gaiola, pois os pássaros podem beber água contaminada por suas próprias fazes e sujeiras em geral, vindo assim a contrair vermes e bactérias nocivas a saúde.

Alimentação

A alimentação dos pássaros nessa época deve ser muito bem elaborada, para garantir que a ave absorva o máximo de vitaminas e proteínas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Pássaros granívoros: São aqueles que se alimentam de sementes. A alimentação deve ser rica em gordura, porém sem exageros, ofereça sementes como painço verde, painço vermelho, painço preto e painço português, aveia e alpiste. O acumulo de gordura nessa época é faz com que as aves sintam menos frio.

Pássaros frugívoros: Aqueles que se alimentam de frutas e sementes. Ofereça girassol, cartamo, aveia, linhaça, amendoim e soja, além das frutas que já estão acostumados a comer.

Pássaros onívoros: São pássaros que comem de tudo, sementes, frutas e larvas. Ofereça fontes de gordura como as citadas acima para as espécies que comem frutas e sementes. A larva mais popular é o Tenébrio Molitor rico em proteína animal, carboidrato, matéria fosfatada e fibras digestíveis.

Confinamento

Para pássaros confinados em gaiolas recomenda-se que a gaiola seja pendurada em locais longe de vento e correntes de ar frio. Se você não tem um lugar próprio para protegê-lo, a solução seria colocar uma capa de cobertura na gaiola.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Importante: Converse com o seu veterinário, antes de administrar qualquer medicamento. Medicar sem conhecimento de um especialista pode ser fatal.

Siga o BDF na rede

         

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
X

Send this to a friend