Projeto Biblioteca Livre

Biblioteca
Texto de autoria de Elias Daher, colunista da coluna LiterArte de setembro de 2016 a junho de 2017

Biblioteca Livre é um projeto sensacional nasceu das mãos habilidosas de André Trindade e Paulo Dubois, com a primeira sede no parque da Cidade. Trata-se de um acervo de livros doados, sem funcionários nem burocracia: Quem quiser ler, pega um livro. Quem quiser colaborar, deixa um. Simples assim.

Este projeto sustentável requer atenção somente até a implementação: A partir daí, adquire vida própria, com seus estoques mantidos pela própria comunidade que utiliza.

Já temos unidades no quiosque do atleta no parque da cidade, na escola de dança Fenix, em Taguatinga e em muitos outros locais, como no evento “Música na Árvore”. – Todas com a mesma liberdade de funcionamento.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Estão em processo de negociação, novas bibliotecas em faculdades do DF. Ali, quando um aluno deixar livros utilizados no quinto período, poderá ajudar os do quarto semestre e assim por diante. É um processo que não dá trabalho nem gera ônus para os locais parceiros, e estabelece um link eficiente entre quem deseja doar livros e quem precisa ler.

É, sem dúvida, uma forma de baixo custo para manter a cultura disponível. “O livro vai e volta. O conhecimento sempre fica”

Este projeto consolida o que chamamos de “pocket park”, cuja tradução literal é “parque de bolso”, ou seja, um local pequeno, como um oásis urbano rodeado de prédios de cimento. Estes ambientes são como uma sala de estar pública ao ar livre, pretendendo assim alcançar a tranquilidade no local. O conceito é simples e de baixo custo, mas traz benefícios principalmente aos trabalhadores, que poderiam utilizá-los no horário de almoço e intervalos no expediente. Representam uma alternativa para a falta de áreas de descanso e reflexão.

Se quiser doar livros ou indicar um local para instalação da Biblioteca Livre, entre em contato pelo e-mail bibliotecalivredf@gmail.com

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

BDF na Rede

         

Sobre o Colunista

Paulo Souza, 28 anos, produtor cultural, editor e escritor. Possui publicado o livro ‘Ponto para ler contos’ (Kindle, 2016) e participou da ‘Antologia Sombria’ (Empíreo, 2017) e vários contos disponíveis no blog Ponto Para Ler. É criador e editor chefe do Ponto Para Ler e seu respectivo canal no YouTube em parceria com a Animars Produções.
Nasceu e vive em Brasília, cidade que ama.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Novembro, 2017

Filtrar eventos

24nov(nov 24)09:00(nov 24)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

25nov(nov 25)09:00(nov 25)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

25nov(nov 25)21:00(nov 25)21:00Victor e Léo

26nov(nov 26)09:00(nov 26)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

27nov(nov 27)09:00(nov 27)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

28nov(nov 28)09:00(nov 28)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

Mostrar mais eventos
PUBLICIDADE
X

Send this to a friend