Mãe

Texto de autoria de Elias Daher, colunista da coluna LiterArte de setembro de 2016 a junho de 2017

Mário Quintana

Mãe… São três letras apenas

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


as desse nome bendito

também o Céu tem três letras

e nelas cabe o infinito

para louvar nossa mãe

todo o bem que se disse

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

nunca há de ser tão grande

como o bem que ela nos quer

palavra tão pequenina

bem sabem os lábios meus

que és do tamanho do Céu

e apenas menor que Deus

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Comentários

Mário Quintana ficou conhecido pela doçura de seus versos. Neste, o autor compara a infinitude do amor de mãe com a infinitude do céu, duas palavras pequenas, com o mesmo número de letras, mas que representam o infinito.

Há ainda uma referência aos dez mandamentos: por maior que seja um amor, maior tem que ser o amor a Deus.

1 Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

BDF na Rede

         

Sobre o Colunista

Paulo Souza, 28 anos, produtor cultural, editor e escritor. Possui publicado o livro ‘Ponto para ler contos’ (Kindle, 2016) e participou da ‘Antologia Sombria’ (Empíreo, 2017) e vários contos disponíveis no blog Ponto Para Ler. É criador e editor chefe do Ponto Para Ler e seu respectivo canal no YouTube em parceria com a Animars Produções.
Nasceu e vive em Brasília, cidade que ama.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Novembro, 2017

Filtrar eventos

24nov(nov 24)09:00(nov 24)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

25nov(nov 25)09:00(nov 25)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

25nov(nov 25)21:00(nov 25)21:00Victor e Léo

26nov(nov 26)09:00(nov 26)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

27nov(nov 27)09:00(nov 27)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

28nov(nov 28)09:00(nov 28)09:00FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

Mostrar mais eventos
PUBLICIDADE
X

Send this to a friend